4 eventos ao vivo

Brasil deslancha no 2º tempo, vence sauditas e pega Espanha nas quartas

10 ago 2011
23h51
atualizado em 11/8/2011 às 03h08

O Brasil confirmou o favoritismo nesta quarta-feira, em Barranquilla, na Colômbia, e venceu a Arábia Saudita por 3 a 0, gols de Henrique, Gabriel Silva e Dudu. Apesar de um primeiro tempo disputado, a Seleção Brasileira se soltou no segundo e garantiu vaga na próxima fase do Mundial Sub-20.

Com a vitória, o Brasil classifica-se às quartas de final do torneio e disputa uma vaga na semifinal contra a Espanha, que venceu a Coreia do Sul nos pênaltis. A partida está marcada para o próximo domingo, às 20h (de Brasília), em Pereira.

A Seleção confirmou o favoritismo diante dos sauditas, uma vez que se classificou na primeira posição do Grupo E ao vencer Panamá e Áustria e empatar com o Egito. Já a Arábia Saudita foi a segunda do Grupo D, com vitória sobre Croácia e Guatemala e derrota para Nigéria.

O jogo
A Arábia Saudita começou pressionando e tentou abafar a Seleção no início da partida. No primeiro minuto, Fhad recebeu sem marcação dentro da área e chutou prensado pelos zagueiros, que chegaram atrasados. A bola passou raspando a trave direita de Gabriel.

A pressão saudita durou pouco e, aos 5min, Oscar mandou uma "bomba" de fora da área. A partir deste lance, o Brasil passou a equilibrar as ações ofensivas e a ser ligeiramente superior na partida.

A Arábia Saudita ainda manteve maior posse de bola, embora chegasse com menos frequência ao gol de Gabriel. Os sauditas apostavam na velocidade dos jogadores, sobretudo de Fhad.

Aos 14min, Henrique fez boa jogada pela direita e cruzou na cabeça de Oscar. O meia-atacante do Internacional cabeceou fraco e a bola saiu. Em seguida, aos 20min, o mesmo Oscar fez bela jogada pela direita, driblou o marcador, invadiu a área e foi derrubado. Pênalti não marcado pelo árbitro.

Aos 22min, Henrique ainda recebeu na área e, de frente com o goleiro, perdeu uma chance incrível. Aos 42min, Coutinho fez a jogada, mas foi parado com falta.

No intervalo, Ney Franco substituiu o volante Casemiro pelo atacante William José, ambos do São Paulo. A mudança surtiu efeito e, logo no primeiro minuto do segundo tempo, Henrique recebeu lançamento, entrou em velocidade pelo meio e bateu no canto direito do goleiro saudita: 1 a 0.

Com a entrada de William José, o Brasil passou a segurar mais a bola no campo de ataque. Assim, os atacantes puderam trocar mais passes e armar melhor as jogadas.

Com domínio brasileiro no segundo tempo, Danilo lançou William em profundidade. O atacante dominou, invadiu a área e, ao cortar o marcador, a bola sobrou para Gabriel Silva, aos 23min, dar um tapa no canto esquerdo para ampliar o placar.

No final da partida, aos 40min, Dudu, que entrou no segundo tempo no lugar de Henrique, aproveitou passe de Oscar e chutou entre as pernas de Alsdairy para marcar o terceiro gol do Brasil.

Ficha Técnica

Brasil 3x0 Arábia Saudita

Gols
Brasil:
Henrique, ao 1min do 2º tempo, Gabriel Silva, aos 23min do 2º tempo e Dudu, aos 40min do 2º tempo

Brasil: Gabriel; Danilo, Bruno Uvini, Juan Jesus e Gabriel Silva; Galhardo, Fernando, Casemiro (William José) e Philippe Coutinho (Negueba); Oscar e Henrique (Dudu). Técnico: Ney Franco

Arábia Saudita:

Alsdairy; Alfatil (Al Hafathi), Alzubaidi, Alshahrani e Hawsawi; Alibrahim, Maan, Otayf (Aldawsari) e Yasir; Dagriri e Fhad (Alnassar). Técnico: Khalid Alkaroni

Cartões amarelos
Brasil: Gabriel Silva
Arábia Saudita:

Yasir

Árbitro
Peter O'Leary

Local
Estádio Metropolitano, em Barranquilla (Colômbia)

Fonte: Terra
publicidade