PUBLICIDADE

Na rota para jogar NFL, filho faz Snoop Dogg virar a casaca

5 fev 2015 12h12
| atualizado às 14h25
ver comentários
Publicidade

Uma das promessas do futebol americano, Cordell Broadus fez uma escolha que em teoria não agradaria muito ao seu pai, o famoso rapper Snoop Dogg. Wide receiver do time colegial Bishop Gorman, em Las Vegas, o jovem de 17 anos assinou com o UCLA apesar de seu pai torcer para o time rival, a Universidade Southern Califórnia (USC).

Porém, este pequeno detalhe não fez Snoop Dogg conter a empolgação ao fazer o anúncio pelo Twitter. Broadus é bem avaliado por sites especializados e, com a escolha, dá um passo importante na rota para um dia jogar na NFL, a liga profissional de futebol americano no país. 

 

 

Uma foto publicada por snoopdogg (@snoopdogg) em

 

A escolha do filho fez Snoop Dogg inclusive, virar a casaca. Dá uma olhada na foto que ele colocou no Instagram, formalizando que agora tem novo time universitário.

 

That was then this is now !!

Uma foto publicada por snoopdogg (@snoopdogg) em

 

Rivalidades à parte, o filho de Snoop Dogg impressiona desde cedo no esporte. Segundo o técnico da UCLA, Jim Mora, a oferta foi feita quando Broadus tinha apenas 15 anos. O jogador de 1,91 m e 87 quilos foi ranqueado na 27ª posição entre os melhores receivers no site especializado Rivals.com e recebeu ofertas de diversas universidades. Incluindo a Universidade Southern Califórnia, antes a mais amada por seu pai.

<p>Snoop Dog orienta filho Cordell Broadus durante a infância: jogador está na rota para chegar à NFL</p>
Snoop Dog orienta filho Cordell Broadus durante a infância: jogador está na rota para chegar à NFL
Foto: Robert E. Klein / AP

Com informações da agência AP.

 

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade