0

“Por que teria medo da Alemanha?”, diz herói francês

30 jun 2014
16h16
atualizado às 19h42
  • separator
  • 0
  • comentários

Autor do primeiro gol da vitória da França sobre a Nigéria, o meio-campista Paul Pogba se incomodou ao ser questionado sobre um duelo com a rival Alemanha nas quartas de final da Copa do Mundo.

Os franceses superaram nesta terça-feira os nigerianos por 2 a 0, no Estádio Nacional Mané Garrincha, e agoram pegam os germânicos no dia 28 de junho, no Maracanã.

<p>Pogba é decisivo e põe a França nas quartas de final</p>
Pogba é decisivo e põe a França nas quartas de final
Foto: Dylan Martinez / Reuters

Ainda como Alemanha Ocidental, os germânicos eliminaram nos franceses de maneira emocionante em 1982, na Espanha, nos pênaltis, após empate por 3 a 3. No Mundial seguinte, no México, os alemães voltaram a vencer na semifinal, desta vez por 2 a 0. A única vitória da França foi na disputa de terceiro lugar em 1958, na Suécia, ao golear por 6 a 3.

“Por que teria medo da Alemanha? Somos a seleção nacional da França e não temos de temer ninguém. Qualquer seleção que vier a jogar contra a França, vamos dar cada gota de suor para vencer”, disse Pogba, eleito o melhor em campo contra a Nigéria.

O jogador, 21 anos, foi questionado também sobre um eventual encontro diante do Brasil na semifinal, mas desta vez o jogador da Juventus de Turim foi mais bem-humorado.

Me lembro de quando era menino (5 anos) e vi a final de 1998 (vencida pela França em casa). Há sempre essas rivalidades e seria um prazer enfrentar o Brasil se chegarmos à semifinal”, completou.

O técnico Didier Deschamps foi mais político e evitou qualquer comentário sobre o duelo entre alemães e argelinos, marcado para as 17h (de Brasília), no Beira-Rio. “Vamos estar no avião na hora do jogo e iremos assistir à partida apenas amanhã (terça-feira). Não tenho preferência. Vamos aguardar”, completou.

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade