PUBLICIDADE
Logo do

Fluminense

Meu time

Por vaga na Libertadores, Fluminense conta com recorde de público em 2021 e 'festa' na arquibancada

Fluminense esgotou venda de ingressos em três setores do Maracanã para jogo contra a Chapecoense; Torcida organiza festa com pó-de-arroz e mosaico digital

8 dez 2021 07h13
ver comentários
Publicidade

Nesta quinta-feira, às 21h30, contra a Chapecoense, o Fluminense viverá os últimos 90 minutos do Campeonato Brasileiro 2021. Ainda lutando por uma vaga direta na Libertadores, o Tricolor precisa emplacar uma vitória no Maracanã e torcer por um tropeço do Red Bull Bragantino diante do Internacional em casa. Confiante no retrospecto em casa, a torcida vai bater o recorde de público dos últimos três anos e prepara a festa de apoio ao grupo.

Fluminense vendeu mais de 31 mil ingressos para o jogo contra a Chapecoense (Mailson Santana/Fluminense FC)
Fluminense vendeu mais de 31 mil ingressos para o jogo contra a Chapecoense (Mailson Santana/Fluminense FC)
Foto: Lance!

Nas cinco rodadas anteriores em que o Fluminense jogou no Maracanã, o time venceu o Flamengo, Sport, Palmeiras, América-MG e Internacional. Após o último jogo em casa, as chances de classificação direta chegaram a 40.3%, O que impulsionou os tricolores a comparecerem no confronto final da temporada. Contudo, as derrotas para o Atlético-MG e Bahia diminuíram a expectativa para 37.1% de probabilidade. Os dados são do site 'Chance de Gol'.

Mesmo após o revés, os tricolores não desanimaram. Para o duelo, mais de 35 mil ingressos já foram vendidos, com três setores esgotados. Além de ser o maior público do Flu na temporada, o número também marca o recorde desde 4 de dezembro de 2019, quando foram 39.965 pessoas no empate em 0 a 0 com o Fortaleza. Nas três temporadas anteriores, o público só superou esse número em clássicos. Neste ano, o jogo mais movimentado foi na vitória do Tricolor sobre o Internacional, que contou com 18.617 torcedores.

Antes disso, foram 14.168 totais contra o América-MG, 7.969 diante do Palmeiras, 3.870 com o Sport, 10.029 no clássico com o Flamengo, 2.200 frente ao Atlético-GO e 3.231 na primeira partida com público, contra o Fortaleza. Na última temporada, o recorde foi de 16.528 pessoas no empate por 1 a 1 com o Unión La Calera, pela Sul-Americana. Já em 2019, a mesma competição mobilizou 53.237 torcedores no duelo contra o Corinthians.

Além da força na voz, a torcida também prepara outras ações para tornar a noite mais especial. Por se tratar de um duelo decisivo, torcedores se organizaram para arrecadação de pó-de-arroz e fitas para um mosaico digital, feito com lanternas de celular. A ideia principal é dar apoio ao time, mas também mobilizar aqueles que ainda não garantiram o ingresso para o duelo.

- [O material] Impulsiona a torcida a se movimentar e garantir presença em um momento que precisamos de apoio para a garantia da vaga na Libertadores. O torcedor, movido pelo pó-de-arroz, que é um dos principais símbolos do clube, sem dúvida alguma tende a se tornar ainda mais o 12º jogador - disse o porta-voz de uma torcida organizada do Fluminense.

Na química entre clube e arquibancada, o reconhecimento da importância dos torcedores também vem das quatro linhas. Em quase todas as entrevistas coletivas após partidas no Maracanã, Marcão faz questão de ressaltar o papel do público para o desempenho do elenco, como destacou depois da vitória sobre o Colorado, pela 35ª rodada do Brasileiro.

- Como eu falei jogo passado: quando nosso torcedor joga junto, esquece, ficamos muito fortes. E eles entenderam a dimensão que era esse jogo. Mesmo nós sendo atacados, o torcedor empurrava pra cima a todo minuto. Nosso agradecimento ao torcedor foi todos os jogadores irem lá depois do jogo e pularam e cantaram com eles. Um sinal de agradecimento por eles serem realmente o 12° jogador nessa partida e pedimos para continuarem nos apoiando na competição.

Desta forma, o Tricolor contará com o aproveitamento em casa e o apoio da torcida para dar o último passo em direção ao seu principal objetivo na temporada. Ainda que dependa de resultados, a presença do público no Maracanã demonstra a importância da possível conquista para a arquibancada, que sonha em retomar o caminho dos títulos.

*Estagiária sob supervisão de Luiza Sá

Lance!
Publicidade
Publicidade