2 eventos ao vivo

Ainda em busca de reforços, Fla "libera" Paulinho ao Santos

28 dez 2015
09h32
atualizado às 10h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A reformulação do elenco do Flamengo para 2016 segue a todo vapor. Neste domingo, o diretor de futebol Rodrigo Caetano confirmou que o clube encaminhou a negociação para o atacante Paulinho defender o Santos por empréstimo e ainda buscará mais três reforços “de maior investimento” para a próxima temporada.

“É uma negociação possível, sim. O Santos entrou em contato conosco e, com nossa autorização, está conversando com o agente do atleta. Então acredito que existem boas chances de ele defender o Santos em 2016”, afirmou o dirigente.

Após as contratações do zagueiro Juan, do lateral Rodinei e do volante Willian Arão, a diretoria busca seguir reforçando o time que será comandado por Muricy Ramalho. Segundo Rodrigo Caetano, os próximos nomes estão sendo avaliados com cuidado pois a eles também será destinada uma maior quantidade de dinheiro.

Paulinho deve pintar no Santos; Flamengo encaminhou liberação do atleta
Paulinho deve pintar no Santos; Flamengo encaminhou liberação do atleta
Foto: Daniel Teobaldo / Futura Press

“Estamos em busca de mais três reforços. Nossa ideia, como já conversamos com o Muricy, é de não errar na escolha desses três, porque em tese são jogadores em que o Flamengo terá e investir mais”, declarou o executivo.

Uma das possibilidades é a contratação do zagueiro Henrique, ex-Palmeiras, que atualmente pertence ao Napoli, da Itália. O problema é que o clube europeu cobra 2,5 milhões de euros (R$ 10,8 mi) pelo jogador, e o time da Gávea, que teria acertado bases salariais com o próprio atleta, ainda tem concorrência do rival Fluminense e do Grêmio para concretizar a negociação.

Dois estrangeiros também estão na mira do Rubro-Negro. O meia Federico Mancuello, do Independiente-ARG e o volante chileno Marcelo Díaz, do Hamburgo. Mas em ambos os casos também há altos valores envolvidos em uma possível transação e concorrência pesada de outros clubes.

“Nós fomos à Argentina, abrimos negociação e estamos tentando. Vamos conversar com o Independiente e tentar viabilizar, a menos que a pedida financeira realmente fique fora da nossa realidade”, disse Rodrigo Caetano, revelando que há de fato conversas oficiais para contar com Mancuello em 2016, embora o clube de Avellaneda tenha considerado baixas as propostas que já foram feitas por ele.

“(Marcelo Díaz) é um bom nome. Jogador interessante, valorizado, titular da seleção do seu país. Mas muitas clubes também querem”, desconversou o executivo a respeito do chileno, que tem uma lesão na coxa esquerda e não deve entrar em campo pelos próximos dois meses.

A respeito de outros nomes, o dirigente não quis comentar. “Não vamos falar de outras coisas. Temos de ter muito zelo com as negociações e oficializar algo apenas quando estiver resolvido”, concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade