PUBLICIDADE
Logo do Coritiba

Coritiba

Favoritar Time

Piás do Couto pedem passagem e são uma das poucas salvações em 2023 horrível do Coritiba

A temporada de 2023 do Coritiba é uma das piores da história do clube e para achar pontos positivos nela você precisa realmente olhar por um certo tempo, porém uma parte do elenco alviverde merece o devido reconhecimento. Os Piás do Couto utilizados em 2023 mostraram que estão prontos para os duros desafios do futebol […]

1 dez 2023 - 09h05
(atualizado às 09h05)
Compartilhar
Exibir comentários
Base do Coxa pede passagem em 2023 -
Base do Coxa pede passagem em 2023 -
Foto: Divulgação/Coritiba / Esporte News Mundo

A temporada de 2023 do Coritiba é uma das piores da história do clube e para achar pontos positivos nela você precisa realmente olhar por um certo tempo, porém uma parte do elenco alviverde merece o devido reconhecimento. Os Piás do Couto utilizados em 2023 mostraram que estão prontos para os duros desafios do futebol brasileiro e prometem render bons frutos ao Coxa.

Apesar do ano de 2023 ter tido poucos brilhos no elenco alviverde, a base do Coritiba viveu mais um bom ano conquistando o bicampeonato do Paranaense sub-20. Com mais essa taça, novos nomes subiram para o elenco profissional e pediram passagem ao longo do ano e quando utilizados foram muito bem, veja alguns casos.

THIAGO DOMBROSKI

O jovem zagueiro do Coritiba vivia um momento difícil antes da sua estreia no clube do coração com lesões, problemas disciplinares e familiares, porém com a falta de opções na defesa, Zago se viu forçado a utilizar o defensor no duelo contra o Vasco e o desempenho do atleta foi espetacular.

Thiago foi muito bem na sua estreia e o único porém foi a lesão muscular que o fez deixar o campo. Depois da estreia foram apenas mais cinco jogos, mas nesse período chamou a atenção do futebol belga e por pouco não foi vendido. Agora no final da temporada se recuperou de uma lesão no joelho e para 2024 promete ser uma das opções para a defesa alviverde que foi um problema gigante no ano.

THALISSON GABRIEL

Depois de alguns empréstimos ao longo do primeiro semestre de 2023, Thalisson viu sua oportunidade aparecer graças as faltas de opções na defesa alviverde no duelo contra o Cuiabá. Apesar da derrota de 3 a 0, o jovem se mostrou seguro e ao lado de outro jovem com muito potencial, Jean Pedroso, ganhou muita moral.

Desde então foram mais oito jogos, sendo sete deles como titular em sequência. Thalisson foi de descartável para mais uma grande promessa do Coritiba na defesa, junto com Thiago Dombroski e Jean Pedroso, o camisa 14 promete dar ótimos frutos em 2024.

Para saber tudo sobre o Coritiba, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

PEDRO MORISCO

O goleiro bicampeão Paranaense pelo Coritiba vinha sendo relacionado para vários jogos do Brasileirão, porém via sua oportunidade de estreia muito distante. Entretanto, depois do rebaixamento confirmado e com o técnico do sub-20 assumindo o elenco do profissional na partida contra o Botafogo, Pedro realizou seu sonho e estreou pelo seu time do coração.

No empate contra um dos melhores times do torneio, Pedro foi muito bem e ganhou o prêmio de melhor em campo pelo técnico alviverde. Apesar do Coxa ainda ter Gabriel como o nome principal entre os goleiros, o plano é dar chances para Morisco em 2024, ainda mais depois dessa ótima estreia.

Além dos três casos citados acima, o Coritiba conta com vários casos que prometem pedirem passagem em 2024 e ganharem a posição no time titular como: Kaio César, Jean Gabriel, Lucas Ronier e vários outros nomes.

Um exemplo que os atletas da base do Coritiba podem se espelhar é o lateral Natanael, que atualmente é o jogador há mais tempo no clube. No seu período viveu altos e baixos, mas há um certo tempo tem a posição dominada por muitos anos futuros.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade