0

Goleiro do Tijuana reclama de mudança na punição ao Corinthians

12 mar 2013
13h39
atualizado às 13h49
  • separator
  • 0
  • comentários

Goleiro titular do Tijuana, Cirilo Saucedo não compreende a mudança da punição dada pela Conmebol ao Corinthians. Após julgamento na última semana, a entidade comunicou que o Corinthians poderia ter público no Estádio do Pacaembu a partir da quarta rodada da Copa Libertadores da América, na partida contra o próprio time mexicano, marcada para esta quarta-feira.

<p>Tijuana promete ser adversário mais difícil do Corinthians na fase de grupos da Libertadores</p>
Tijuana promete ser adversário mais difícil do Corinthians na fase de grupos da Libertadores
Foto: AFP

Segundo publica o jornal mexicano Esto, Saucedo estranhou a interpretação da Conmebol quanto ao caso. Ele afirmou que “parece que se há uma sanção se deveria cumprir, senão desde o princípio teriam dito que não”.

A punição que imperava contra o Corinthians era uma medida cautelar da Conmebol, dada no dia 21 de fevereiro, segundo a qual o clube deveria atuar com os portões fechados para os fãs durante a Libertadores. Após julgamento, a entidade alterou a punição, anunciando que o clube paulista seria multado no valor de US$ 200 mil e que a torcida do clube não poderia comparecer a jogos fora de casa pelos próximos 18 meses.

O motivo da sanção foi a morte do torcedor boliviano Kevin Beltrán Espada, 14 anos, no duelo entre San José e Corinthians, em Oruro, na Bolívia, pela primeira rodada da Libertadores. O jovem morreu ao ser atingir por um sinalizador naval atirado por um torcedor corintiano.

Saucedo comentou ainda que, independentemente da participação dos fãs, o Tijuana “entrará para fazer a nossa partida”. Ele projetou um “bom jogo”, dizendo que “dentro de campo somos 11 contra 11”.

O goleiro, que foi titular de seu time na vitória em casa, no Estádio Caliente, por 1 a 0 sobre o mesmo Corinthians, na semana passada, ainda lamentou o “apertado calendário” do futebol mexicano.

Atual campeão nacional, o Tijuana perdeu no mesmo estádio por 1 a 0 para o Querétaro, no último sábado, pelo Torneio Clausura. Sobre o resultado, Saucedo disse que é preciso “virar a página e pensar em uma partida muito complicada na casa do campeão do mundo”.

Após dez rodadas da competição mexicana, o Tijuana ocupa o sexto lugar entre os 18 times participantes, com 16 pontos. O Querétaro é o nono colocado, com 14. O Tigres soma 24 pontos e lidera a tabela.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade