13 eventos ao vivo

Coreia do Sul x Bélgica: Terra acompanha minuto a minuto

25 jun 2014
23h18
atualizado em 23/7/2018 às 10h46
  • separator
  • 0
  • comentários

A Bélgica já está classificada antecipadamente para a próxima fase da Copa do Mundo, mas ainda tem a pretensão de alcançar os 100% de aproveitamento nesta primeira fase. Nesta quinta-feira, na capital paulista, a equipe do técnico Marc Wilmots encara a Coreia do Sul, que é a lanterna do Grupo H e, mesmo assim, segue com chance de alcançar a classificação, dependendo de uma combinação de resultados. O Terra acompanha a partida minuto a minuto a partir das 16h30 (de Brasília).

<p>Axel Witsel será poupado por ter um cartão amarelo</p>
Axel Witsel será poupado por ter um cartão amarelo
Foto: Reuters

 

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Apesar da expectativa que sua equipe carrega por um futebol vistoso, principalmente depois da boa campanha nas Eliminatórias europeias para a Copa, Wilmots avisa que o resultado é o mais importante.

“Não se trata de jogar bonito, mas sim de eficiência. A Bélgica passou para a próxima fase e é isso o que conta. Nós somos taticamente muito disciplinados e temos de ser pacientes”, afirmou.

O treinador deve poupar o volante Witsel, que é um dos jogadores pendurados com um cartão amarelo. Assim, Steven Defour tem chance de começar entre os titulares. Alderweireld e Vertonghen são os outros atletas que carregam cartão amarelo e podem não ser aproveitados.

A Bélgica tem seis pontos no grupo, depois das vitórias sobre Argélia e Rússia, e pode agora frustrar o sonho da Coreia do Sul, que tem apenas um. Para avançar no Mundial, os sul-coreanos precisam vencer os belgas, torcer para que a Rússia perca da Argélia e ter saldo de gols maior que sua concorrente.

 

A seleção sul-coreana almeja a reação nesta partida, mesmo admitindo as dificuldades. “Falta uma liderança dentro de campo, ainda somos uma seleção inexperiente. No último jogo, levamos três gols no primeiro tempo e, quando voltamos para o jogo, já era tarde demais”, admitiu o atacante Son Heung Min, 21 anos.

O técnico Hong Myun-bo fez mistério na escalação e tenta surpreender a líder do grupo para conseguir a difícil classificação para a próxima fase da Copa do Mundo.

 

 
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade