PUBLICIDADE
Logo do

Chapecoense

Meu time

João Paulo fala sobre oportunidade no gol da Chapecoense: 'Espero fazer um excelente partida'

Goleiro deve ser titular no próximo jogo, diante do Internacional, por conta da ausência de Keiller

8 out 2021 11h46
| atualizado às 11h46
ver comentários
Publicidade

Titular em 12 dos 24 jogos da Chapecoense no Brasileirão, o jovem goleiro João Paulo deve retornar ao gol do time catarinense na próxima rodada quando a equipe enfrentará o Internacional, em confronto válido pela 25ª Rodada do Brasileirão. Isto porque o goleiro Keiller, emprestado pelo Colorado, não pode jogar por motivos contratuais.

Jogador de 20 anos de idade estreou nessa temporada como profissional (André Moreira)
Jogador de 20 anos de idade estreou nessa temporada como profissional (André Moreira)
Foto: Lance!

Mesmo sem jogar desde o início do mês de agosto, o jovem arqueiro de apenas 20 anos de idade ainda sustenta uma importante estatística por ser o segundo colocado, do campeonato inteiro, com mais defesas por jogo (3,5). Com esse número, ele fica atrás apenas de Maílson, do Sport, que tem média de 3,6.

- O Keiller vem fazendo ótimos jogos e jogando super bem. Fico feliz dele poder estar representando o nosso trabalho tão bem, tanto o meu como o dos preparadores César e Marcelo. É um amizade que criei aqui na Chapecoense e vou levar para toda vida. A gente inclusive conversa sobre essas coisas todos os dias, de quando eu estava jogando e agora ele também. Um está sempre ajudando o outro, lidamos muito bem com isso. Espero fazer uma excelente partida para que eu possa dar continuidade a esse bom trabalho - revelou.

João tem uma média de 0,61% gols sofridos (21 gols em 13 jogos) enquanto Keiller possui média de 0,81% (11 gols em nove jogos) no Brasileirão. O jovem vem fazendo apenas sua primeira temporada como profissional e estreou no Campeonato Catarinense, onde em quatro jogos sofreu apenas um gol.

O goleiro assumiu a titularidade em âmbito nacional após a lesão de Tiepo, na terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O arqueiro impressionou com boas atuações no início de sua trajetória, mas foi para o banco de reservas após a chegada do técnico Pintado.

Diferente de Keiller, que está emprestado, João Paulo é cria da base da Chapecoense e tem contrato com o clube até dezembro de 2024. O jogador tem uma multa avaliada em 12 milhões de euros no mercado externo (equivalente, na atual cotação, a R$ 76,4 milhões) e R$ 12 milhões em caso de negociação com clubes do Brasil.

Antes da Chape, João passou pelas bases do Grêmio e do próprio Internacional, adversário do time de Chapecó neste próximo domingo (10), no Beira-Rio. O atleta também comentou sobre esse reencontro:

- Para mim vai ser algo bem tranquilo voltar ao Beira-Rio e enfrentar o Internacional. Tive uma passagem muito breve pelo clube, mas pude aprender bastante lá. Sou muito grato ao Internacional pelo o que fizeram por mim. Mas hoje defendo as cores da Chapecoense e vou dar meu máximo para sairmos de lá com um resultado positivo. Estamos precisando vencer pois seguimos em uma fase complicada, mas sinto que nosso time vem evoluindo e que desta vez a gente possa sair com os três pontos.

Lance!
Publicidade
Publicidade