PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Brasileira

Meu time

Gabigol marca, mas deixa a desejar de novo pela Seleção

Atacante fez, de pênalti, um dos gols da vitória do Brasil sobre a Venezuela por 3 a 1

8 out 2021 10h49
| atualizado às 11h19
ver comentários
Publicidade

Gabigol teve outra atuação apagada pela Seleção brasileira. Sorte do artilheiro do Flamengo é que sobrou um pênalti no segundo tempo, sofrido por ele próprio, para que pudesse fazer um gol na vitória por 3 a 1 sobre a Venezuela, em Caracas. Líder das eliminatórias, o Brasil teve um ataque inoperante por quase 70 minutos e muitas dificuldades de superar a pior equipe da competição.

Embora bem marcado, Gabigol não conseguiu produzir quase nada. Estava jogando contra uma defesa, formada por Mejías e Ferraresi, que não tem condições de ser titular em nenhuma equipe da Série A do Brasileiro. Por isso, esperava-se mais do atacante, que já vem deixando a desejar há várias partidas pela Seleção.

Gabigol não tem feito boas atuações pela Seleção
Gabigol não tem feito boas atuações pela Seleção
Foto: Alan Rones / Futura Press

Há uma concorrência grande para o ataque do time. Neymar, obviamente, e Roberto Firmino e Richarlison estão na frente de Gabigol nessa disputa à parte. Os três não puderam atuar contra a Venezuela. Gabriel Jesus, que saiu no segundo tempo para dar vez a Antony, também foi mal. O jogador do Manchester City, no entanto, goza de bem mais prestígio com Tite do que Gabigol.

Caso queira se firmar como um dos nomes para o Mundial de 2022, Gabigol terá que mostrar serviço nos próximos jogos da Seleção. E também fazer mais gols, não necessariamente de pênalti. Até porque Vinicius Junior, Antony, Matheus Cunha e Everton Cebolinha são outros que vão dar o máximo possível para integrar o grupo de convocados que vai tentar o hexacampeonato no Catar.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade