0

Brasil na mesma chave de Itália e Holanda? Veja chances de grupos da morte

4 dez 2013
07h42
  • separator
  • 0
  • comentários

Se por um lado a mudança nos critérios de composição dos potes diminuiu a alta chance de a França fazer parte de um supergrupo da morte, por outro existem mais possibilidades de uma chave com até três campeões se enfrentando na primeira fase da Copa do Mundo. O cenário de combinações no sorteio é muito grande, mas é possível imaginar composições que dariam arrepios a muitos favoritos.

<p>Sorteio pode levar time de Felipão a um inédito grupo com 3 campeões mundiais</p>
Sorteio pode levar time de Felipão a um inédito grupo com 3 campeões mundiais
Foto: Paulo Whitaker / Reuters

Os países sul-americanos são os mais propensos a se darem mal no evento de sexta-feira, às 14h (de Brasília), na Costa do Sauípe. Como existe direcionamento para que não haja três países europeus ou dois sul-americanos na mesma chave, Brasil, Uruguai, Argentina e Colômbia passarão por um sorteio à parte para saber quem receberá mais um europeu como rival.

A expectativa era de que a Fifa usasse o mesmo critério para definição dos cabeças-de-chave, com o ranking determinando a França, a pior colocada, como a “intrusa” no pote que terá sul-americanos (Equador e Chile) e africanos. Agora, um sorteio à parte entre as nove seleções europeias restantes apontará esta equipe.

Concentrando-se no caso do Brasil, antes a chance de encontrar a França na primeira fase era de 25%, sendo que havia ainda Itália, Inglaterra e Holanda em outro pote como possíveis adversários. Agora há menos chances de os franceses caírem na mesma chave, mas o leque de combinações é maior.

Com base nisso, o Terra imaginou um dia de azar para o time de Luiz Felipe Scolari e desenhou os piores cenários para a primeira fase. Para isso, limitamos as possibilidades aos três campeões mundiais do pote 4 (Itália, Inglaterra e França) e à Holanda, contra quem o Brasil sempre teve dificuldades. Bósnia, Croácia, Grécia, Portugal e Rússia são outras possibilidades.

Para o pote 3, a opção é pelo México, que vive má fase, mas sempre é uma pedra no sapato. Austrália, Coreia do Sul, Irã, Japão, Costa Rica, Estados Unidos e Honduras também estão neste poste. Já o pote 2, se não determinar uma seleção europeia, colocará na frente do Brasil Argélia, Camarões, Costa do Marfim, Gana ou Nigéria.

Veja as possibilidades de grupo da morte para o Brasil:

Possibilidade 1
Brasil
Itália
Holanda
México

Possibilidade 2
Brasil
Itália
Inglaterra
México

Possibilidade 3
Brasil
Itália
França
México

Possibilidade 4
Brasil
Holanda
Inglaterra
México

Possibilidade 5
Brasil
Holanda
França
México

Possibilidade 6
Brasil
Inglaterra
França
México

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade