PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Brasileira

Meu time

Arana exalta tradição da Alemanha antes de estreia do Brasil

Lateral da Seleção Brasileira prega respeito ao adversário do primeiro desafio nos Jogos de Tóquio, na quinta-feira: "É uma camisa pesada"

19 jul 2021 11h14
| atualizado às 12h40
ver comentários
Publicidade

A Seleção Olímpica está no Japão realizando os últimos ajustes antes da estreia no futebol masculino dos Jogos de Tóquio, contra a Alemanha. E em entrevista coletiva nesta segunda-feira, o lateral Guilherme Arana pregou respeito ao rival, ressaltando que é uma "seleção de tradição".

Guilherme Arana durante o treino da Seleção Brasileira nesta segunda-feira em Yokohama
Guilherme Arana durante o treino da Seleção Brasileira nesta segunda-feira em Yokohama
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

"Uma camisa pesada, uma seleção que tem muitos títulos, a gente tem que respeitar. Já olhamos algumas coisas do adversário, então temos que trabalhar em cima disso e manter o nosso foco, manter os pés no chão, trabalhar com humildade e fazer um grande jogo", afirmou o jogador do Atlético-MG.

"Como eu falei anteriormente, é uma seleção de tradição, de camisa pesada e temos que respeitar, fazer o nosso papel, o nosso trabalho, que é entrar dentro de campo e fazer o nosso melhor para sair com a vitória, claro que respeitando sempre os adversários que enfrentarmos", completou.

A Seleção Olímpica enfrenta a Alemanha na quinta-feira, às 8h30 (de Brasília), em Yokohama. Depois, o time comandado pelo técnico André Jardine joga contra a Costa do Marfim, no domingo, às 5h30, e para encerrar a primeira fase, duela com a Arábia Saudita, na quarta, às 5h.

Há cinco anos, o Brasil conquistou o almejado primeiro ouro olímpico de sua história no futebol ao superar justamente a Alemanha, nos pênaltis, no Maracanã, depois de empate por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação na grande decisão que foi realizada nos Jogos do Rio-2016.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade