PUBLICIDADE
Logo do Atlético-MG

Atlético-MG

Favoritar Time

Atlético-MG decide por saída imediata de Felipão

Diretoria do Galo optou por demitir o treinador na pausa para Data Fifa, antes da final do Campeonato Mineiro

20 mar 2024 - 12h32
Compartilhar
Exibir comentários

O Atlético-MG anunciou, nesta quarta-feira (20), a demissão do técnico Felipão. Ele estava no cargo desde junho de 2023, e tinha contrato até o fim deste ano. O auxiliar-técnico Lucas Gonçalves assume o comando de forma interina. Segundo informações do portal "ge", as atuações ruins neste início de temporada e a relação estremecida entre treinador e torcida foram fatores determinantes para a decisão.

Foto: Lance!

Com a pausa nas competições por conta da Data Fifa, o Atlético-MG entendeu que este era o momento certo para a saída de Felipão. O elenco se reapresentou na Cidade do Galo após três dias de folga, e diretoria e técnico se reuniram para acertar a rescisão contratual. O clube terá de pagar a Luiz Felipe Scolari multa referente a três meses de trabalho.

O Galo tem pela frente as finais do Campeonato Mineiro, disputadas entre 30 de março e 6 de abril, contra o rival Cruzeiro. Apesar da classificação à decisão do estadual, as atuações da equipe não vinham agradando, e a derrota para o América na segunda partida da semifinal - que não foi suficiente para tirar a vaga do Atlético - foi determinante.

Além disso, a relação entre Felipão e a torcida atleticana não era das melhores. Há um mês, o técnico xingou um torcedor que pedia a entrada de Alisson na equipe, em cobranças no aeroporto. No estádio, ofensas ao treinador eram constantemente proferidas.

Luiz Felipe Scolari deixa o Atlético-MG após 41 partidas, com 19 vitórias, 10 empates e 12 derrotas. Neste ano, Felipão comandou o Galo em 10 jogos, vencendo cinco, empatando três e sendo derrotado em duas (contra Cruzeiro e América).

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Publicidade