PUBLICIDADE
Logo do

América-MG

Meu time

Presidente do América-MG diz que irá pedir áudios do VAR

Alencar da Silveira reclamou da arbitragem após vitória do Galo no Campeonato Mineiro

22 mai 2021 22h20
| atualizado às 22h31
ver comentários
Publicidade
Para presidente do América-MG, o árbitro deixou de marcar um pênalti que poderia ter ajudado o time
Para presidente do América-MG, o árbitro deixou de marcar um pênalti que poderia ter ajudado o time
Foto: LANCE!

O América-MG voltou a ficar apenas no empate sem gols com o Atlético-MG pela final do Campeonato Mineiro neste sábado, 22, amargando o vice do Estadual, já que o Galo tinha o direito do empate por ter melhor campanha. O resultado, no entanto, não foi o que mais chateou o presidente do clube, Alencar da Silveira.

O mandatário reclamou muito da arbitragem de Felipe Fernandes de Lima. Segundo ele, o árbitro não teve poder decisão e deixou de marcar um pênalti em cima do zagueiro Bauermann já no fim da partida.

"Pelo trabalho e pela dedicação de todos do grupo, eu tinha a certeza que iríamos ser campeões. Quando falei que podia ser cobrado na segunda-feira, nunca imaginei que iria lamentar a falta de decisão de um árbitro. Time nós temos. O trabalho nós fizemos. Nunca acreditei que iríamos ter problema com o VAR na final. Nunca imaginei que um juiz de campo não fosse querer ver um lance importante como aquele pênalti numa decisão e deixar outra pessoa decidir por ele. Fica a curiosidade minha e de toda a equipe sobre a conversa entre os árbitros naquela hora. Isso vou querer ouvir e já vamos pedir o áudio à Federação", escreveu em nota.

Alencar ainda fez questão de enaltecer o atacante Rodolfo, que desperdiçou uma cobrança de pênalti aos três minutos da etapa complementar, e afirmou que o América irá realizar uma grande campanha na Série A do Campeonato Brasileiro neste ano.

"Meus jogadores e comissão técnica estão de parabéns. Agradeço a cada um, inclusive ao Rodolfo, que fez muito pelo América nesse campeonato e vai continuar fazendo no Brasileiro. Lembro que só erra pênalti quem bate. O time sai de cabeça erguida. Nos dois jogos da final mostrou a grandeza que tem e mostrou, sobretudo, que temos um time que vai disputar a Série A em pé de igualdade com os principais clubes brasileiros. Por esse desempenho, vou continuar motivando nosso time e nossa torcida. O América é e sempre será o maior nos nossos corações", finalizou.

O Coelho volta a campo agora no próximo dia 30, quando visita o Athletico-PR, pela primeira rodada do Brasileirão.

Veja também:

Quais são os melhores cobradores de pênalti do Brasil? Veja aproveitamento:

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade