0

Saiba o que empregadores buscam no Google sobre candidatos

80% dos empregadores usam a ferramenta de busca antes de convidar alguém para uma entrevista

26 mai 2014
10h58
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O que 80% dos empregadores fazem antes de chamarem um candidato para uma entrevista? Eles usam o Google para encontrara informações sobre o profissional.

Logo da Google na entrada do escritório da empresa em Toronto, Canadá, 5 de setembro de 2013. O Google ofereceu novas concessões com o objetivo de encerrar uma investigação de três anos sobre reclamações de que a empresa bloqueia competidores e para evitar uma possível multa de 5 bilhões de dólares, disse a Comissão Europeia nesta segunda-feira.
Logo da Google na entrada do escritório da empresa em Toronto, Canadá, 5 de setembro de 2013. O Google ofereceu novas concessões com o objetivo de encerrar uma investigação de três anos sobre reclamações de que a empresa bloqueia competidores e para evitar uma possível multa de 5 bilhões de dólares, disse a Comissão Europeia nesta segunda-feira.
Foto: Chris Helgren / Reuters

Confira 15 dicas para elaborar um bom currículo

Transparência é o que empregadores esperam encontrar sobre um candidato na internet, de acordo com a revista Business Insider. Quando o empregador faz uma busca no Google, ele não está atrás de informações negativas sobre o candidato. A intenção é conhecer melhor o profissional antes de selecioná-lo para uma entrevista.

Conheça as quatro coisas que os empregadores procuram descobrir de um candidato ao fazerem uma busca no Google:

Foto do profissional
Sempre que possível, os empregadores querem saber como seus candidatos se parecem. É importante ter uma foto sua em suas redes sociais e site pessoal. Não precisa ser uma foto tirada por um profissional, mas sim uma foto do candidato em vestuário profissional.

Portfólio online
Em seguida, empregadores querem conhecer seus trabalhos e realizações. Um portfólio online é uma maneira de expor o que você tem em seu currículo e construir sua credibilidade. Desta forma, empregadores terão uma ideia melhor do que o candidato já realizou e o que pode fazer pela empresa.

O tamanho da sua pegada digital
Empregadores também querem sabem como é a presença online do candidato, bem como suas interações. Pesquisas indicam que 96% dos recrutadores usam o LinkedIn para pesquisar candidatos. Este é um indicativo de que é bom ter um perfil completo no LinkedIn, além de outras redes sociais.

Seu caráter e comportamento
Qualificações para o emprego não são tudo o que recrutadores procuram. Eles também querem saber como o candidato se encaixa na cultura da empresa. Os empregadores usam o Google para avaliar personalidade se comportamentos online. Falar mal de empregos anteriores ou de colegas de trabalho pode afastar futuras oportunidades de trabalho.

Nervoso? Veja dicas para se dar bem na entrevista de emprego Nervoso? Veja dicas para se dar bem na entrevista de emprego

Veja também:

Cerca de três toneladas de maconha são apreendidas em meio à carga de soja
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade