0

Ouro fecha em alta à espera de ata do Fed e de olho nas negociações EUA-China

20 fev 2019
16h13
  • separator
  • 0
  • comentários

O contrato futuro de ouro fechou em alta moderada no pregão desta quarta-feira, 20, com os investidores à espera da ata da reunião de política monetária de janeiro do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) e de olho nas negociações comerciais entre Estados Unidos e China.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para abril avançou 0,23%, para US$ 1.347,90 por onça-troy.

Há "muitas boas razões" para as melhoras recentes nos preços do ouro, como o recuo do dólar, afirmou, em nota a clientes, o economista George Gero, da RBC Wealth Management. Preocupações com uma desaceleração global, as tensões com o Brexit e, agora, as negociações comerciais entre os Estados Unidos e outros países são "as razões adicionais para os investidores buscarem ativos seguros, como o ouro".

Analistas também apontaram que o metal precioso pode mostrar ainda mais vigor a depender de como andarem as negociações comerciais sino-americanas, que foram retomadas em Washington esta semana. Um acordo sobre comércio seria positivo para as perspectivas dos mercados emergentes e isso poderia beneficiar os preços do ouro, de acordo com o analista de commodities do Julius Baer Carsten Menke. "Embora seja visto principalmente como um refúgio seguro, o ouro está altamente exposto aos mercados emergentes, que respondem por mais da metade de sua demanda global."

Os investidores também aguardam a divulgação da ata da reunião de política monetária do Fed. A postura mais cautelosa e "dovish" do banco central americano impulsionou recentemente os preços do ouro ao indicar paciência quanto a futuros aumentos nas taxas de juros. Fonte: Dow Jones Newswires.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade