PUBLICIDADE

Os 10 melhores destinos para trabalhar em home-office

Consultoria inclui duas cidades brasileiras, São Paulo e Rio de Janeiro, entre as 80 melhores localidades para o trabalho remoto

6 dez 2021 14h03
| atualizado às 14h56
ver comentários
Publicidade
A australiana Melbourne lidera os melhores destinos pra fazer home office
A australiana Melbourne lidera os melhores destinos pra fazer home office
Foto: Wim Kantona / Pixabay

O ranking foi feito pela consultoria WorkMotion, que planilhou componentes como custo de vida, infraestrutura das cidades, condições de habitação e regras para o trabalho remoto. Por esses índices, as melhores cidades do mundo se concentram, principalmente, na Oceania.   

Melbourne, na Austrália, é a cidade campeã, com pontuação máxima. Entre as quatro primeiras, estão também a australiana Sydney e a neo-zelandesa Wellington. 

Já o Brasil figura somente lá para baixo, nas 58ª posição (São Paulo) e na 64ª (Rio de Janeiro). Na América do Sul, o Brasil ficou atrás da Argentina (Buenos Aires na 45ª posição), mas à frente da Colômbia (Medellin, 76ª posição).

Confira as 10 melhores cidades, segundo o ranking:

  • 1º Melbourne (Austrália) | 100 pontos
  • 2º Montreal (Canadá) | 98,20 pontos
  • 3º Sydney (Austrália) | 97,76 pontos
  • 4º Wellington (Nova Zelândia) | 97,68
  • 5º Praga (República Checa) | 95,29 pontos
  • 6º Toronto (Canadá) | 94,09 pontos
  • 7º Talinn (Estônia) | 93,27
  • 8º Zagreb (Croácia) | 89,17
  • 9º Singapura (Singapura) | 88,63 pontos
  • 10º Dublin (Irlanda) | 87,53 pontos
Homework Homework
Publicidade
Publicidade