0

Maioria das bolsas da Europa cai com dúvidas sobre Brexit

Um entendimento entre autoridades europeias e britânicas foi firmado nesta manhã, mas ainda precisa ser aprovado pelos dois parlamentos.

17 out 2019
14h44
atualizado às 14h50
  • separator
  • 0
  • comentários

Os mercados acionários europeus encerraram o pregão desta quinta-feira majoritariamente em queda, com as dúvidas sobre o acordo do Brexit em foco. Um entendimento entre autoridades europeias e britânicas foi firmado nesta manhã, mas ainda precisa ser aprovado pelos parlamentos das duas partes e, por ora, não há certeza se isso, de fato, acontecerá. Diante do cenário, o índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em queda de 0,33%, aos 391,30 pontos.

Logo pela manhã, foi anunciado que Reino Unido e União Europeia chegaram a um acordo para o Brexit, o que era esperado há dias por investidores. Contudo, há dúvidas se o entendimento e seus termos serão de fato aprovados pelos parlamentos europeu e britânico, o que pode demandar um novo adiamento do prazo de saída do país do bloco.

"Apesar de ser improvável que o acordo seja aprovado no Parlamento no sábado, acreditamos que o risco final de um Brexit sem acordo, mesmo após uma potencial eleição, diminuiu ainda mais", ressaltam analistas do Danske Bank.

Mesmo assim, os mercados acionários europeus se comportaram a partir de um clima de incertezas ao longo do dia, o que levou o índice DAX, da bolsa de Frankfurt, na Alemanha - a principal economia da região -, a fechar em queda de 0,12%, aos 12.654,94 pontos. Por lá, a Siemens recuou 1,79% e a BASF, 0,12%.

Protesto contra Brexit na frente de Parlamento britânico em Londres 17/10/2019 REUTERS/Tom Nicholson
Protesto contra Brexit na frente de Parlamento britânico em Londres 17/10/2019 REUTERS/Tom Nicholson
Foto: Reuters

Em Paris, o índice CAC 40 perdeu 0,42%, para 5.673,07 pontos, a mínima do dia. Na bolsa local, a fabricante de microchips STMicroelectronics caiu 2,03%. A companhia ainda cedeu 1,98% na bolsa de Milão, onde também é negociada. No principal mercado acionário italiano, o índice FTSE MIB perdeu 0,23%, para 22.375,67 pontos.

O índice FTSE 100, da bolsa de Londres, centro do impasse do Brexit, por sua vez, conseguiu subir 0,20%, para 7.182,32 pontos. A British Petroleum subiu 0,42%, apesar da queda do petróleo no pregão e da volatilidade da libra, que chegou a avançar ante o dólar ao longo do dia. O fortalecimento da moeda britânica tende a pressionar empresas exportadoras, na medida em que seus produtos se tornam mais caros para detentores de outras divisas.

O índice Ibex 35, da bolsa de Madri, encerrou em queda de 0,50%, aos 9.340,00 pontos, a mínima do dia, enquanto o índice PSI 20, da bolsa de Lisboa, encontrou espaço para avançar 0,28%, aos 5.013,78 pontos.

Veja mais:

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade