PUBLICIDADE

Livro de Adriano Silva é um alento para quem empreende

Livro ‘Por Conta Própria: Do Desemprego ao Empreendedorismo’ é mais do que uma jornada empreendedora: é lição de vida.

1 dez 2021 08h00
ver comentários
Publicidade
“Esse livro é o relato de como transformei uma demissão traumática numa oportunidade para redesenhar minha carreira – e minha vida”, diz Adriano Silva
“Esse livro é o relato de como transformei uma demissão traumática numa oportunidade para redesenhar minha carreira – e minha vida”, diz Adriano Silva
Foto: Draft / Divulgação

A maioria dos livros que conta a história de um empreendedor de sucesso é recheada de “corporativês” e abusa dos clichês da “jornada do herói”. Então, confesso que era mais ou menos isso que eu estava esperando do novo livro do Adriano Silva, intitulado “Por Conta Própria: Do Desemprego ao Empreendedorismo - Os Bastidores da Jornada que me Salvou de Morrer Profissionalmente aos 40” (Draft Books). E foi com enorme alegria que descobri que estava totalmente errado.

O livro é uma delícia de se ler, do tipo que parece crônica mesmo, que cativa e prende o leitor do início ao fim. Mais do que a jornada de um empreendedor de sucesso, a obra foca o que acontece debaixo do tapete quando o desemprego e o desânimo começam a afetar seriamente até o mais otimista dos executivos.

E são passos difíceis de reconhecer nessa jornada, afinal, no Brasil empreendedor ainda é visto como vilão. É uma distorção tacanha de valores. A realidade, porém, está bem longe disso.

Os meandros dessa jornada são realmente sombrios e refletem a realidade de muitos brasileiros que estão passando por isso neste exato momento, como consequência econômica da pandemia do Covid. Exatamente por isso, acaba se tornando leitura obrigatória para qualquer tipo de empreendedor quanto para quem está “in between jobs” ou “open to work” ― só para usar a linguagem com cara de LinkedIn.

Livro de Adriano Silva é um alento para quem empreende:

O livro “Por Conta Própria” encerra a trilogia que Adriano Silva iniciou em 2017 com “Treze Meses Dentro da TV” e seguiu no ano seguinte com “A República do Editores”.

“Encerro agora a trilogia com a história de um renascimento – o meu. Esse livro é o relato de como transformei uma demissão traumática numa oportunidade para redesenhar minha carreira – e minha vida. De como troquei (a fórceps) a vida de executivo pela de empreendedor. De como, tendo passado pela mídia impressa e pela mídia eletrônica, me joguei sem salva-vidas num mar revolto que desconhecia – a ebuliente mídia digital”, conta o próprio autor.

E Adriano fala com muita propriedade dessa jornada, que passou pelos principais revistas da Editora Abril, desfilou pelo programa “Fantástico” da TV Globo, viveu o apogeu da blogosfera, consolidou-se com o Gizmodo Brasil e testemunhou o surgimento da social media. Atualmente, ele mora no Canadá, de onde ajuda a capitanear as ações do Projeto Draft.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade