0

Com trégua externa, Ibovespa sobe e reverte perdas da semana

Ações da Petrobras fecharam em alta, após queda de mais de 7% na véspera

17 out 2014
18h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Principal &iacute;ndice da bolsa paulista teve alta de 2,63%, a 55.723 pontos</p>
Principal índice da bolsa paulista teve alta de 2,63%, a 55.723 pontos
Foto: Paulo Whitaker / Reuters

A Bovespa fechou em forte alta nesta sexta-feira, seguindo a melhora do mercado internacional, em meio a uma trégua nas preocupações sobre o ritmo de crescimento global.

A divulgação de pesquisa Sensus perto do fim do pregão, mostrando o candidato do PSDB, Aécio Neves, à frente da presidente Dilma Rousseff, que busca a reeleição pelo PT, na corrida do segundo turno da eleição presidencial, fez o Ibovespa ganhos, revertendo a perda na semana.

O principal índice da bolsa paulista teve alta de 2,63%, a 55.723 pontos. Na semana, subiu 0,75%. Até a véspera, a queda acumulada era de 1,8%.

O volume financeiro somou R$ 9,35 bilhões.

Indicadores econômicos e balanços nos Estados Unidos, aliados a comentários de um membro do Banco Central Europeu e ao alívio sobre os últimos desdobramentos na Grécia, aliviaram preocupações com a dinâmica de crescimento global.

"Houve um questionamento sobre o crescimento mundial e agora o mercado externo parou para pensar, disse o gestor Andre Paes, da Infinity Asset, notando que a bolsa nos últimos dias esteve menos correlacionada a fatores internos.

Após tocar a mínima em 13 meses na véspera, o índice europeu FTSEurofirst 300 fechou com a maior alta em três anos, enquanto o norte-americano S&P 500 avançou mais de 1%.

Do front político, repercutiu o agressivo debate entre a presidente Dilma Rousseff e Aécio Neves na quinta-feira, no SBT, com ataques generalizados de ambos os lados.

Mas o foco principal segue voltado para pesquisas, com novo levantamento Datafolha previsto para o início da próxima semana, embora o entendimento no mercado seja de que a disputa seguirá equilibrada até o próximo dia 26, dia da eleição.

No final da sessão, levantamento Sensus divulgado no site da revista Isto É mostrou Aécio com 56,4% dos votos válidos (que excluem brancos, nulos e indecisos), contra 43,6% de Dilma. Na pesquisa anterior, a vantagem do tucano era um pouco maior: 58,8 a 41,2%.

As ações da Petrobras fecharam em alta, após queda de mais de 7% na véspera.

Para o gestor Julio Erse, da NP Investimentos, o mercado tende a seguir nervoso na próxima semana, com a volatilidade elevada pela cena externa mais incerta e a discussão sobre a precificação correta dos cenários para o resultado do pleito.

O calendário da próxima semana também inclui o vencimento dos contratos de opções sobre ações na Bovespa na segunda-feira.

Papel por papel
Santander Brasil valorizou-se 3,4%, um dia após anunciar um ajuste na relação da oferta pública voluntária de permuta de suas ações e units por recibos de ações (BDRs) do Santander Espanha.

Sabesp avançou 2,5%, após o Tribunal Regional Federal da 3ª Região suspender na quinta-feira uma liminar que impedia a empresa de captar o segundo volume morto do Sistema Cantareira.

Marfrig subiu 2,87%. A Standard and Poor's elevou a nota de crédito corporativo de escala global da empresa para B+ com perspectiva estável.

As blue chip Vale, terminou no azul após debilidade inicial. A mineradora de níquel Vale Indonésia informou que fará desinvestimento de fatia adicional de 20% da companhia para partes na Indonésia dentro de cinco anos.

Veja também:

Jovens são presos pela PM em ponto de tráfico de drogas
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade