PUBLICIDADE

'Foi extremamente traumático', diz Marcelo Serrado sobre morte de Domingos Montagner; veja vídeo

Serrado descreveu ocorrido como o 'momento mais difícil da carreira'. Montagner morreu em 2016 enquanto gravava a novela 'Velho Chico' na região do Rio São Francisco

10 jul 2024 - 11h14
Compartilhar
Exibir comentários

O ator Marcelo Serrado descreveu a morte de Domingos Montagner como o "momento mais difícil de sua carreira". O artista relembrou o ocorrido durante uma participação no Provoca, programa da TV Cultura, nesta terça, 9. Montagner morreu em 2016, aos 54 anos, enquanto gravava a novela Velho Chico na região do Rio São Francisco.

Serrado contou que soube da morte do ator durante as filmagens em Piranhas, em Alagoas. Ele disse que, na ocasião, havia terminado de gravar uma cena em um rio com Marcos Palmeira.

Marcelo Serrado descreve morte de Domingos Montagner como o 'momento mais difícil da carreira'.
Marcelo Serrado descreve morte de Domingos Montagner como o 'momento mais difícil da carreira'.
Foto: Reprodução de vídeo/YouTube/Provoca e Tiago Queiroz/Estadão / Estadão

"Aquilo foi devastador. [...] Eu não queria ter vivido aquilo. Foi extremamente traumático. Uma coisa inexplicável", afirmou. O artista contou que superou a tragédia se aproximando de sua espiritualidade e com sessões de terapia.

Serrado descreveu o ocorrido como "um divisor de águas". Segundo ele, a ocasião o fez refletir: "Que vida é essa? A vida nos traz coisas inexplicáveis".

Relembre a morte de Domingos Montagner

Domingos Montagner morreu em setembro de 2016, aos 54 anos, enquanto participava das gravações de Velho Chico, novela da Rede Globo. Ele interpretava o personagem Santo.

O corpo do ator foi encontrado perto da usina de Xingó, no Rio São Francisco. Na manhã do mesmo dia, ele havia gravado cenas da novela e, depois do almoço, mergulhou no rio ao lado de Camila Pitanga.

Eles teriam nadado até um conjunto de rochas, o que exigiu fisicamente dos atores. Segundo os bombeiros, a atriz teria ainda tentado pegar na mão de Montagner, mas não conseguiu e o ator acabou sendo tragado pelas águas.

Em 2022, a vida e a carreira de Montagner, que também era palhaço, foram celebradas na biografia Domingos Montagner: o Espetáculo Não Para, escrita pelo jornalista Oswaldo Carvalho e publicada pela Editora Máquina de Livros. Confira 10 momentos marcantes da carreira do ator aqui.

Estadão
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade