0

Pastor, pai de Katy Perry diz que cantora é "filha do diabo"

2 mai 2013
15h55
atualizado às 15h55
  • separator
  • 0
  • comentários

O pastor Keith Hudson, pai da cantora Katy Perry, não está contente com a carreira da filha. De acordo com o jornal The Sun, ele e sua esposa, Mary Hudson, que é mãe da estrela, têm criticado Katy por não seguir seu modelo religioso, chegando a afirmar que ela é “filha do diabo” e que precisa de “cura”.

<p>Katy Perry posa com os pais, os pastores Keith e Mary</p>
Katy Perry posa com os pais, os pastores Keith e Mary
Foto: Getty Images

Ainda segundo a publicação, Keith afirmou que os dois têm sido questionados sobre o fato de serem pastores, mas terem criado uma filha cujos sucessos incluem a canção I Kissed A Girl And I Liked It (Eu Beijei Uma Garota e Gostei). "Eles me perguntam como posso pregar se eu sou pai de uma garota que canta sobre beijar outra mulher?", alfinetou o patriarca durante culto em Santa Fé Springs, na Califórnia, nos Estados Unidos.

Keith também criticou os fãs da cantora, que a adoram mais do que a Deus. "Eu estive em show da Katy onde estiveram 20 mil pessoas. Fiquei observando essa geração que vai a esse tipo de lugar. A apresentação quase parecia uma igreja", comentou Keith no culto. "Eu estava lá e fiquei apenas lamentando e lamentando. Eles estão amando e adorando a coisa errada", acrescentou ele.

Durante o sermão, Keith ainda pediu para que outras igrejas e congregações rezem por Katy. Os pais da cantora, que tem percorrido os Estados Unidos para pregar suas crenças, agora pedem doações para que possam viajar para a Suíça.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade