PUBLICIDADE

Morre Laércio de Freitas, pianista da bossa nova e o maestro de 'Mulheres Apaixonadas'

Músico morreu em São Paulo na tarde desta sexta-feira, 5, aos 83 anos

5 jul 2024 - 18h49
(atualizado às 22h01)
Compartilhar
Exibir comentários

Morreu na tarde desta sexta-feira, 5, o pianista e maestro Laércio de Freitas, aos 83 anos. O músico estava em sua casa, em São Paulo, e morreu dormindo, segundo informações de sua filha, a atriz e cantora Thalma de Freitas.

Freitas, que nasceu em Campinas, no interior de São Paulo, começou a carreira no início dos anos 60, depois que se formou no Conservatório Carlos Gomes.

Após se apresentar em países da Europa e da Ásia, ligou-se aos músicos da bossa nova. Entrou para o Tamba Trio que acompanhava cantores da bossa nova. Tocou também com grandes nomes da música brasileira como Maria Bethânia, Ângela Maria, Marcos Valle e Emílio Santiago.

Lançou seu primeiro álbum em 1972, Laércio de Freitas e o Som Roceiro. No ano seguinte, participou do lendário álbum Quem é Quem, de João Donato.

Participou ainda da Orquestra Tabajara, liderada pelo músico Severino Araújo, uma das mais tradicionais do País e do projeto Um Piano Ao Cair da Tarde, da Rádio Eldorado.

O 'Tio", como Laércio era carinhosamente chamado pelos amigos, também teve forte influência no choro, no jazz e na música moderna brasileira.

O pianista Laércio de Freitas
O pianista Laércio de Freitas
Foto: Acervo Estadão / Arquivo Pessoal / Estadão

Em 2003, participou da novela Mulheres Apaixonadas, de Manoel Carlos, no papel do músico Ataulfo. O personagem fazia parte do conjunto do Téo, interpretado pelo ator Tony Ramos. Eles animavam as noites do fictício Nick Bar.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade