PUBLICIDADE

Israel concorda em revisar letra de música inscrita no Eurovision que evoca ataque do Hamas

3 mar 2024 - 13h21
Compartilhar
Exibir comentários

Israel concordou em revisar a letra de sua possível inscrição no festival de música Eurovision depois que os organizadores do concurso questionaram versos que pareciam fazer referência ao ataque do Hamas em 7 de outubro, disse a emissora nacional de Israel Kan neste domingo. 

O Eurovision, que este ano vai acontecer entre 7 e 11 de maio na cidade sueca de Malmo, se apresenta como um evento não-político e pode desclassificar concorrentes que violem a regra. A emissora Kan é a responsável por escolher a canção participante de Israel.

A música israelense apresentada é "October Rain", uma balada cantada pela solista Eden Golan.

De acordo com a letra vazada para a imprensa, e posteriormente confirmada por Kan, a música inclui versos como "Não sobrou ar para respirar" e "Eles eram todos bons filhos, cada um deles" - aparentes alusões a pessoas que se esconderam em abrigos enquanto homens armados do Hamas realizavam um ataque contra um festival de música ao ar livre e em outros locais que desencadearam a guerra em Gaza.

Kan disse que pediu aos compositores de "October Rain" e ao segundo colocado "Dance Forever" que revisassem suas letras, preservando ao mesmo tempo sua liberdade artística. A emissora vai depois disso escolher oficialmente a música a ser enviada ao comitê da Eurovision.

A União Europeia de Radiodifusão, que organiza o Eurovision e já disse estar em processo de análise das letras, não respondeu imediatamente a um pedido de comentário sobre a decisão da emissora Kan.

A emissora israelense disse que concordou em fazer as mudanças a pedido do presidente do de Israel, Isaac Herzog.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade