0

Youtuber disse que mentiu sobre abuso de ex-namorada

Everson Zoio disse que inventou o relato anos atrás e está sendo prejudicado por causa da repercussão

28 jul 2018
18h29
atualizado às 18h49
  • separator
  • 0
  • comentários

Após viralizar nas redes sociais um vídeo no qual Everson Zoio conta ter feito sexo sem consentimento com a ex-namorada enquanto ela estava dormindo, o youtuber publicou neste sábado, 28, um vídeo de "esclarecimento" no YouTube e uma "nota oficial" no Instagram.

O youtuber Everson Zoio.
O youtuber Everson Zoio.
Foto: Instagram/@eversonzoio / Estadão

Everson afirma que está sendo muito prejudicado pela repercussão e que o relato de sexo sem consentimento foi inventado em 2015 e contado novamente em 2016. "Homem é assim mesmo, aumenta as coisas", diz o youtuber. "Mesmo sendo uma brincadeira e a história ser mentira, eu peguei pesado".

Veja o comunicado na íntegra:

Em vídeo, Youtuber relata ter feito sexo com a ex-namorada sem consentimento

No vídeo que voltou a circular nas redes sociais nesta sexta-feira, 27, Everson conta o caso do sexo não consentido para três amigos, que dão risada da história e até aplaudem em certo momento. O youtuber conta que estava na cama com a então namorada e ela disse que "não ia rolar nada porque estava cansada". Entretanto, ele conta que, quando ela dormiu, ele tirou seu pijama e começou o ato sexual.

Em determinado momento, um dos amigos pergunta: "Ela não percebeu?", ao que Everson responde: "Não". O ato sexual prosseguiu, segundo o que Everson conta no vídeo, até que a moça acordou.

Após Everson Zoio se tornar um dos tópicos mais comentados do Twitter brasileiro nesta sexta, alguns perfis publicaram outro vídeo dele, de 2015, em que ele relata um caso semelhante, de uma moça que estava dormindo ao lado dele quando ele resolveu tirar o pijama dela e começar o ato sexual.

Com as críticas negativas, o Curitiba Social Mix, um evento com palestras e workshops com criadores de conteúdo e personalidades das redes sociais anunciou que cancelou a participação do youtuber no evento. "O Curitiba Social Mix repudia veementemente qualquer forma de violência às mulheres", informou no Twitter.

Veja também:

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade