3 eventos ao vivo

Paulo Coelho defende Felipe Neto e oferece asilo político

16 set 2019
19h52
  • separator
  • 0
  • comentários

O escritor Paulo Coelho foi mais um a sair em defesa do youtuber Felipe Neto, alvo recente de críticas de defensores de Jair Bolsonaro por fazer oposição ao atual presidente nas redes sociais. Nesta segunda-feira, Felipe revelou que sofreu ameaças de morte a ele e seus familiares e se viu obrigado a cancelar sua participação no evento Educação 360 Encontro Internacional, que está marcado para ocorrer amanhã, no Rio de Janeiro (RJ).

Foto: Reprodução

Paulo Coelho postou uma imagem no Twitter dizendo que Felipe "está contra a censura, a intolerância e a barbárie", "poderia ser nosso filho" e "está do nosso lado, estamos com ele". O youtuber agradeceu as palavras: "Chorei e é verdade".

 

 

Há uma semana, Paulo Coelho já tinha manifestado apoio no caso em que o youtuber comprou e distribuiu 14 mil exemplares com temática LGBTQ como resposta a decisão do prefeito do Rio, Marcelo Crivella, de recolher uma HQ da Bienal do Livro por fazer ilustração de dois personagens se beijando. A medida gerou diversos protestos e foi revogada pela Justiça.

 

A 'conversa' entre os dois se estendeu, com Paulo Coelho alertando Felipe para "não brincar com milicianos" e oferecendo asilo em Genebra, onde mora. O youtuber brincou: "Não faça ofertas assim que amanhã eu tô batendo na sua porta".

 

 

Outros políticos, como Marcelo Freixo, Guilherme Boulos, Ivan Valente, David Miranda, todos do Psol, Maria do Rosário, Jandira Feghali, ambas do PT, e Jean Wyllys, ex-deputado que se autoexilou pelo mesmo motivo, se manifestaram nas redes:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade