PUBLICIDADE

Pancreatite mata? Entenda doença que levou marido de Kardashian para hospital

Segundo o site TMZ, o músico Travis Barker, do Blink-182, foi internado na manhã de terça-feira, 28, após inflamação

29 jun 2022 - 19h47
(atualizado às 23h08)
Ver comentários
Publicidade
Kourtney Kardashian e Travis Barker
Kourtney Kardashian e Travis Barker
Foto: REUTERS/Maria Alejandra Cardona

O músico Travis Barker, que recentemente se casou com a influencer Kourtney Kardashian, foi internado no Cedars-Sinai Medical Center em Los Angeles, nos Estados Unidos, na manhã de terça-feira, 28. Segundo o site TMZ, a internação foi motivada por uma pancreatite

Como o nome já sugere, a doença é uma inflamação do pâncreas e geralmente está associada a pedras na vesícula. A explicação é do cirurgião Gustavo Patury, especialista em aparelho digestivo.

"As pedras vão parar no colédoco, duto que transporta a bile, interrompendo o fluxo das secreções pancreáticas, onde ocorre a inflamação", diz o médico. 

O que causa pancreatite?

A ingestão de bebida alcoólica pode ser uma das principais causas da pancreatite. Além disso, o tabagismo e o uso de alguns medicamentos também podem influenciar no desenvolvimento da inflamação. 

"O uso indiscriminado de corticóides e antibióticos pode resultar em uma pancreatite. Nos últimos dois anos a Covid-19 também se apresentou como problema, seja pelo resultado da própria doença, seja pelo uso dos medicamentos para trata-lá", acrescenta Patury. 

Quais são os sintomas da pancreatite? 

Os principais sintomas da pancreatite são dor intensa na parte superior da barriga, que geralmente vai para as costas; inchaço, desconforto abdominal, náuseas, vômito, perda de apetite e diarreia. O diagnóstico é feito através de um exame de sangue e de tomografia.

A pancreatite pode matar? 

Sim, mas não diretamente. A pancreatite aguda grave pode causar desidratação e pressão baixa. Com isso, coração, pulmões ou rins podem falhar. Se houver hemorragia no pâncreas, o paciente pode evoluir para choque e até mesmo morte.

Como é feito o tratamento da pancreatite? 

O cirurgião Gustavo Patury explica que o tratamento não é simples, visto que não existe ainda uma medicação específica para tratar a pancreatite. Normalmente, a abordagem adotada é o jejum pancreático, no qual o paciente não pode beber nem comer nada, pois tudo que ele ingere aumenta a produção das enzimas que causam a inflamação.

Além disso, são ministrados remédios para controlar a dor e combater a infecção. Em alguns casos é necessária uma cirurgia no pâncreas

Como prevenir a pancreatite? 

O passo principal para evitar uma pancreatite é manter um estilo de vida equilibrado.

"Uma dieta regular, alimentação rica em fibras, uso moderado de bebida alcoólica, evitar o cigarro e a automedicação", orienta o especialista.

*Com edição de Estela Marques.

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade