PUBLICIDADE

Quentin Tarantino lamenta que a Netflix tenha matado as locadoras e explica o problema de assistir filmes no streaming

O diretor de Era uma vez em Hollywood acredita que o público "perdeu o compromisso" com o cinema por causa do streaming.

3 dez 2023 - 11h29
Compartilhar
Exibir comentários

Não é surpresa para ninguém que Quentin Tarantino não é fã da Netflix. Como tantos outros diretores, o autor de Era uma vez em Hollywood defende que os filmes deveriam ser lançados nos cinemas, principalmente quando se trata de obras como seu faroeste Os Oito Odiados, com o qual reivindicou o formato 70mm.

Foto: Mireille Ampilhac pour AlloCiné / Adoro Cinema

Mas os filmes têm vida limitada nos cinemas e, mais cedo ou mais tarde, acabam todos sendo vistos em casa. E aí Tarantino se lança novamente contra Netflix, HBO e as demais plataformas, mas é uma batalha completamente perdida. O diretor lamenta a extinção da locadora e afirma que prefere o sistema antigo ao atual sistema de streaming.

"Estou surpreso com a rapidez com que o público virou a página"

Vale lembrar que Tarantino trabalhou em uma locadora de vídeo antes de iniciar a carreira de cineasta, mas ele garante que a nostalgia não tem nada a ver com a sua opinião, é uma questão de compromisso. O cineasta acredita que ao alugar uma fita VHS, um DVD ou um Blu-ray estivemos mais envolvidos do que agora, com uma gama tão ampla de títulos disponíveis em VOD. É assim que ele explica:

"É muito triste. E estou um pouco surpreso com a rapidez com que isso aconteceu, com a forma como o público virou a página, ninguém está olhando para trás. E não é apenas por uma questão de nostalgia. Não uso Netflix, então não posso nem dizer exatamente como funciona.

E ele continua: "Mesmo que você assine todos os canais de filmes a cabo, e isso é algo que eu faço, você v…

Leia o artigo em AdoroCinema

Inspirada em Tarantino: Essa nova série sangrenta da Netflix é imperdível

Tarantino odiou um filme famoso dos anos 1990 e condenou seu aclamado diretor: "Não tenho vontade de ver outro filme dele"

"Um filme de sete horas": Essas duas séries da Netflix são as favoritas de Quentin Tarantino e, provavelmente, as suas também

Adoro Cinema
Compartilhar
Publicidade
Publicidade