0

Hugh Jackman revela por que recusou o papel de James Bond

Com o australiano na pele de 007, a história recente do cinema certamente teria sido bem diferente.

6 dez 2017
12h12
  • separator
  • comentários

Quando o nome de Hugh Jackman é mencionado, o "codinome" Logan já vem à mente logo em seguida. No entanto, o ator australiano quase definiu sua carreira através de um personagem completamente diferente do Wolverine: o agente 007. Em 2003, antes de filmar X-Men 2, Jackman foi convidado para ser o substituto de Pierce Brosnan na franquia após Um Novo Dia Para Morrer - e sua recusa teve a ver com um dos grandes problemas da saga:

Foto: Nicholas Hunt / Getty Images / AdoroCinema

"Eu estava prestes a fazer X-Men 2 e o meu agente me ligou para perguntar se eu estaria interessado em interpretar James Bond. Senti que, naquele momento, os roteiros tinham se tornado inacreditáveis e loucos, e eu queria fazer algo mais real, mais duro. E a resposta foi: 'Ah, você não pode mudar nada. Você simplesmente assina o contrato'. E também fiquei preocupado em não ter tempo para outros projetos se ficasse entre duas franquias como 007 e X-Men", afirmou o ator, em entrevista à Variety .

A preocupação de Jackman quanto à tonalidade narrativa dos longas da franquia não era exclusividade dele. Assim que Daniel Craig foi contratado para interpretar o super agente, os produtores da saga decidiram trilhar um caminho mais realista. Resultado? A presente incarnação de James Bond, muito mais centrada na realidade e nas relações humanas, deu luz a dois dos filmes mais aclamados e queridos da história de 007: Cassino Royale e Operação Skyfall. De fato, quando a saga retornou às suas raízes mais explosivas e narrativamente menos plausíveis -  em Spectre -, tanto público, quanto crítica rejeitaram o mais recente longa de Sam Mendes.

Além disso, como o próprio Jackman declarou, ele provavelmente não teria tempo para protagonizar outras produções que foram muito importantes para sua carreira como O Grande Truque e, mais recentemente, Os Miseráveis. E Craig, que retornará ao papel de 007 pela última vez em James Bond 25, também entregou uma das melhores performances da história da saga. Portanto, tudo terminou bem para todos.

Jackman, que se despediu do Wolverine e do Universo X-Men no aclamado - e cotado para a temporada de premiações - Logan , retorna às telonas brasileiras com o musical O Rei do Show. O filme tem previsão de estreia para o dia de Natal.

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade