1 evento ao vivo

Festival de Annecy 2018: Como Treinar o Seu Dragão 3 promete final "épico e excitante" para franquia

Conferimos uma apresentação do diretor Dean DeBlois.

14 jun 2018
08h31
  • separator
  • comentários

Temos uma boa e uma má notícia para os fãs de Como Treinar o Seu Dragão! A boa é que o material de Como Treinar o Seu Dragão 3, revelado durante o Festival de Annecy, é realmente empolgante. A ruim é que o filme tem tudo para ser o último da franquia. Durante apresentação da DreamWorks na manhã desta quinta-feira, 14 de junho, o produtor Brad Lewis e o diretor Dean DeBlois afirmaram que o longa representa o final da saga de Soluço, Banguela e companhia.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

DeBlois afirmou que após o sucesso do primeiro filme, foi procurado pelo estúdio para tratar de uma continuação. Por não ser fã de sequências, o cineasta decidiu então que eles deveriam pensar logo num arco maior, de uma trilogia.


Durante a apresentação, que durou aproximadamente 90 minutos, o diretor exibiu artes conceituais, desenvolvimentos de personagens e até mesmo algumas cenas completas, com destaque para o primeiro encontro entre Banguela e Fúria da Luz, que promete ser um dos pontos altos do novo longa. Segundo, DeBlois o tema principal da trama é "deixar para trás", representando um rito de passagem de seu protagonista Soluço. No filme, vemos o jovem (mas nem tão jovem) tendo que lidar com as responsabilidades de um líder, com um relacionamento e com a possibilidade de ter que deixar seu melhor amigo seguir seu rumo próprio.

Além das cenas exibidas, o evento da DreamWorks teve como destaque a apresentação dos novos visuais dos personagens, especialmente suas novas armaduras. Os artistas do estúdio partiram da ideia de como seria se os humanos estivessem se tornando dragões para criar visuais diferenciados e realmente empolgantes.


O novo vilão, Grimmel, também foi abordado com mais detalhes. Ele foi diretamente responsável pela quase extinção dos Fúrias da Noite e não fica feliz ao saber que Banguela ainda existe. "Para ele, dragão bom é dragão morto", revelou DeBlois. Ele fica particularmente ofendido com a noção de que dragões e humanos vivem em um mesmo lugar, o colocando diretamente em confronto com Solução. Em meio a esta nova ameaça, os vikings e seus dragões seguem em busca do lendário Mundo Perdido, que pode ser uma espécie de santuário para os animais.

Com relação à dragão fêmea Fúria da Luz, o diretor apontou que ela representa o lado mais selvagens dos animais e que tentará levar Banguela de volta para seu estado natural. Tendo como especialidade a camuflagem, ela não quer saber de muito contato com os humanos.


Ainda em pós-produção, How to Train Your Dragon: The Hidden World (no original) deve ser finalizado até novembro deste ano. O lançamento no Brasil acontece no dia 31 de janeiro de 2019, sob distribuição da Universal Pictures.

O AdoroCinema cobre o Festival de Annecy 2018 com o editor Lucas Salgado, que integra o júri da crítica do evento.

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade