PUBLICIDADE

Apresentador do Festival de Sanremo deixa Rai

Amadeus é um dos principais nomes da TV italiana

15 abr 2024 - 13h12
(atualizado às 13h27)
Compartilhar
Exibir comentários

Considerado um dos principais apresentadores de TV da Itália, Amadeus, conhecido por comandar o Festival de Sanremo, anunciou o rompimento de seu contrato com a emissora pública Rai nesta segunda-feira (15).

O "divórcio" entre as partes foi oficializado no final de uma reunião entre o apresentador e o diretor-geral da Viale Mazzini, Giampaolo Rossi, que acabou de ser concluída.

Segundo apuração, o encontro foi "cordial", e Amadeus oficializou a decisão de não renovar o contrato com a Rai, que expira no final de agosto, para enfrentar novos desafios profissionais.

Em um vídeo publicado no Instagram, o "showman" italiano destaca que agora "é hora de novos sonhos" e agradece a "todos os gestores que conheci ao longo dos anos e que depositaram em mim a sua confiança, me garantindo autonomia e serenidade".

Além disso, o apresentador italiano afirmou que esta "não foi uma escolha fácil", principalmente por causa dos "importantes esforços feitos pela Rai" para mantê-lo", e garantiu que nunca fez qualquer pedido para favorecer seus familiares ou demitir os seus antigos colaboradores, como alegam algumas notícias que circularam na mídia. "Não é o meu estilo".

"Trabalhar na Rai há muitos anos tem sido motivo de orgulho, responsabilidade e imenso prazer para mim. O meu sincero agradecimento vai para o serviço público", acrescentou ele, agradecendo "dirigentes e trabalhadores, colegas e artistas".

Por sua vez, a Rai disse que "é com pesar" que "toma nota da decisão de Amadeus de encerrar a relação de colaboração", mas "permanece o forte sentimento de reconhecimento e gratidão pelo caminho comum, pontilhado de grandes sucessos e momentos que, como Festival de Sanremo, entraram, na história da Rai e do país".

"Ao desejar um bom trabalho à Amadeus, a empresa continua certo de ter feito a ele - precisamente pela estima e consideração devidas ao seu profissionalismo - todas as propostas possíveis em termos econômicos e editoriais com plena garantia da máxima liberdade artística", concluiu a emissora.

De acordo com rumores das últimas semanas, o grupo Warner Bros.Discovery está esperando por ele, pronto para contratá-lo para torná-lo protagonista do canal Nove.

Aos 61 anos, Amadeus já apresentou diversos programas populares na Rai e foi apresentador e diretor artístico do icônico Festival de Sanremo, principal concurso musical da Itália, que também é exibido pela rede, nos últimos cinco anos.

Com a decisão, ele se torna o mais recente de uma série de grandes estrelas da TV a deixar a emissora nos últimos anos. .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Publicidade