Fique protegido com Terra Antivírus. 7 dias grátis. Aproveite!

Brasil é o 7º mercado para a Renault, que foca em elétricos

Renault divulga seu ranking de vendas e Brasil aparece como o 7º mercado mais importante; focada em elétricos, marca lidera EVs na Europa

12 jan 2021
Compartilhar
Renault Zoe: experiência de sucesso enorme na Europa, mas ainda bem discreto no Brasil.
Foto: Renault-Nissan / Divulgação

O Brasil é o sétimo maior mercado para os negócios globais da Renault. A empresa divulgou nesta terça-feira (12) seu resultado de vendas em todos os mercados em que atua. O volume de vendas da Renault njo Brasil (131,5 mil carros em 2020) é similar ao da Ford, que decdiu parar de fabricar no país. Porém, não existe nenhum indício ou sequer rumor de que a Renault seguirá o mesmo caminho.

Em termos de participação, com 6,8%, o Brasil é o décimo maior mercado para a Renault. O maior mercado da Renault no mundo é França, onde a empresa nasceu, com 535,6 mil carros vendidos. Em seguida vem a Rússia, com a robusta marca de 480,7 mil veículos emplacados.

Publicidade

Em um mercado elétrico em forte crescimento, a marca Renault confirma sua liderança no mercado elétrico na Europa, com 115.888 veículos vendidos, em alta de 101,4% em comparação com 2019. Zoe é o carro elétrico campeão de vendas, com 100.657 unidades, em alta de 114%. No segmento de utilitários elétricos, o Kangoo Z.E. é o veículo mais vendido.

Ranking dos maiores mercados para o negócio global da Renault: Brasil é três vezes menor do que a Rússia.
Foto: Renault / Divulgação

O Renault Twingo Electric e o Dacia Spring permitirão expandir a linha de modelos elétricos do Grupo em 2021. Atrás do Renault Zoe aparece o Tesla Model 3. Os dois líderes não têm versões com motor a combustão. Só o terceiro colocado, Volkswagen e-Golf, tem suas vendas divididas entre versões elétricas e motores convencionais, sendo 13,4% das vendas para EVs.

Além de sua gama elétrica (EV), a Renault disponibiliza uma linha de modelos E-Tech híbridos e híbridos recarregáveis em seus modelos campeões de vendas (Clio, Captur & Mégane Estate) desde o segundo trimestre. Assim, a marca consolida sua presença no mercado de veículos híbridos e híbridos recarregáveis, com mais de 30.000 vendas na Europa, representando 25% dos volumes de pedidos destes veículos.

Vendas do Grupo Renault por marcas e por tipos de veículos: VP são Veículos de Passageiros; VU são Veículos Utilitários.
Foto: Renault / Divulgação

Durante o primeiro semestre de 2021, a gama E-Tech será ampliada com a chegada dos modelos Renault Arkana E-Tech híbrido, Captur E-Tech híbrido e Mégane sedan E-Tech híbrido recarregável. A marca divulgará esta semana seus planos globais.

Publicidade
Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações