Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Morte repentina do ator Luiz Carlos Araújo choca os amigos

Artista fez teatro musical, novelas, séries e cantou em hospitais a pacientes e profissionais de saúde na pandemia

12 set 2021 12h18
Compartilhar

Desde a noite de sábado (11), vários posts nas redes sociais lamentaram a morte do ator, cantor, apresentador e locutor Luiz Carlos Araújo. A causa não foi confirmada. Ele atuou em várias produções de TV, como ‘Carinha de Anjo’ (SBT), ‘Dalva & Herivelto’ (Globo), ‘Cúmplices de um Resgate’ (SBT), ‘A Vida Secreta dos Casais’ (HBO), ‘Pícara Sonhadora’ (SBT) e ‘Terra Dois’ (TV Cultura).

Artista fez teatro musical, novelas, séries e cantou em hospitais a pacientes e profissionais de saúde na pandemia
Foto: Reprodução/Instagram/@luizcarlosaraujo_arte

Formado pela conceituada Escola de Arte Dramática da USP, teve trajetória de sucesso no teatro musical. Esteve em espetáculos elogiados pela crítica: ‘Lisbela e o Prisioneiro’, ‘O Primo Basílio’, ‘A Sessão da Tarde ou Você não Soube me Amar’.

Publicidade

Como cantor, ele fez shows solo. Diante das câmeras, se apresentou ao lado de Zelia Duncan no ‘Altas Horas’ e mostrou uma versão da clássica ‘Tiro ao Álvaro’, de Adoniran Barbosa, no extinto ‘Todo Seu’, de Ronnie Von, na TV Gazeta.

Na publicidade, gravou vários comerciais e locuções. Era também mestre de cerimônias de eventos artísticos e corporativos. “Um artista multidisciplinar”, definia-se.

Sua morte abrupta surpreendeu os amigos da arte. “Que triste”, escreveu Nicolas Trevijano, da série ‘O Negócio’. “Tô em choque”, lamentou Velson D’Souza, protagonista do musical ‘Silvio Santos Vem Aí’.

Acima, o ator em ‘A Vida Secreta dos Casais’ e ‘Cúmplices de um Resgate’; abaixo, em show e cantando a uma criança hospitalizada
Foto: Reproduções

“Você viverá pra sempre em meu coração”, postou Camilla Camargo, que contracenou com o ator em ‘Carinha de Anjo’. “Quantas delicadezas trocamos”, rememorou Laila Garin. “Inacreditável”, registrou Marcelo Serrado.

Publicidade

Em seu perfil no Instagram, Luiz Carlos Araújo costumava prestar homenagem póstuma a amigos. Sua última postagem, em 12 de agosto, pediu “aplausos” a Tarcísio Meira e Paulo José, falecidos naquele dia.

Ele também usava as redes sociais para marcar posição pela vacina contra a covid-19. Manifestava-se contra a homofobia  e o racismo, conscientizava a respeito da saúde geral do homem e falava da importância da prevenção do suicídio.

Ao longo da quarentena, o ator visitou hospitais para cantar a doentes e profissionais da linha de frente. “Nessa pandemia, o que mais me faz falta é o afeto. E pra você?”, desabafou em um post.

 

Publicidade

 

Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
Fique por dentro das principais notícias de Entretenimento
Ativar notificações