Parque de diversões do Japão dará lugar a Harry Potter

Após 94 anos, o popular parque de diversões de Tóquio fechará as portas para abrir espaço para um parque temático

31 ago 2020
12h11
atualizado às 12h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Um popular parque de diversões de Tóquio fechou suas portas nesta segunda-feira pela última vez depois de mais de nove décadas, com parte do local destinada a abrir espaço para um parque temático Harry Potter.

Visitantes em atração do parque de diversões Toshimaen, em Tóquio
11/08/2020 REUTERS/Issei Kato
Visitantes em atração do parque de diversões Toshimaen, em Tóquio 11/08/2020 REUTERS/Issei Kato
Foto: Reuters

O parque de diversões Toshimaen, inaugurado em 1926 no norte de Tóquio, cativou a imaginação de moradores como Junko e Hikari Abe, mãe e filha que trabalham no parque e conheceram seus parceiros lá.

Junko, zeladora de 62 anos que trabalha intermitentemente em Toshimaen desde os anos 1970, disse que presumia que estaria lá até o fim de sua vida. "Eu queria curtir aquele lugar junto com minha filha."

A filha Hikari, de 30 anos, começou a trabalhar no parque em 2015. Ela esperava tirar fotos de família lá depois de se casar com seu noivo, que também conheceu lá. "Não posso acreditar que este local irá desaparecer", disse ela.

Parte do charme do parque está na variedade de atrações, que incluem piscinas, restaurantes e passeios de montanha-russa.

Yasuko Tagata, de 56 anos, contou que assistia a fogos de artifício, tradição noturna do verão no Japão, com amigos das piscinas do parque.

"Toshimaen é um lugar onde as pessoas cresceram juntas", declarou ela.

O novo parque temático Harry Potter deve ser inaugurado em 2023 e será o primeiro do Japão.

Veja também:

Banco Gringotes estreia em estúdio londrino de Harry Potter

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade