2 eventos ao vivo

Caribe

Baía com água fosforescente é destaque em viagem à Vieques

17 jan 2013
07h19
  • separator
  • 0
  • comentários

O arquipélago tropical de Porto Rico é um destino muito cobiçado pelos turistas, tanto pelas praias, quanto pela curiosa cultura local. O território é tão famoso por sua badalação que é estranho imaginar que uma de suas ilhas possua um ritmo de vida calmo.

Micro-organismos na água de Bioluminescent Bay brilham quando incomodados. Não por acaso, os turistas alugam o serviço de caiaque para fazer desenhos na água
Micro-organismos na água de Bioluminescent Bay brilham quando incomodados. Não por acaso, os turistas alugam o serviço de caiaque para fazer desenhos na água
Foto: Shutterstock

Vieques, a maior ilha do destino caribenho, é, hoje, também a mais sossegada da região. Desde a Segunda Guerra Mundial, a ínsula foi usada pela marinha dos Estados Unidos como base de treinamento - o que freou o desenvolvimento local durante cinco décadas. Contudo, em 2003, o exército se retirou da ilha.

Devido às atividades militares, Vieques era praticamente desconhecida, sem apelo turístico. Porém, na última década, passou a ser conhecida como um destino luxuoso e tranquilo, onde os moradores e turistas podem aproveitar o clima tropical e a riqueza natural sem preocupar-se com a badalação da capital San Juan.

O fato de o território ser pouco desenvolvido é, justamente, o que contribui para seu turismo. Com praias e áreas de vegetação praticamente inexploradas, o destino com 348 km² de área está repleto de vida selvagem. Cervos, peixes-boi e quatro espécies de tartarugas podem ser encontrados no Refúgio Natural de Vida Silvestre, um santuário ecológico da região.

A moeda local é o dólar dos Estados Unidos e, apesar do idioma principal ser o espanhol, a língua inglesa também é bastante falada. A principal área habitacional da ilha é Isabel Segunda, onde vive a maior parte dos habitantes locais. Pequena e charmosa, a cidade possui um clima agradável e bastante acolhedor.

Ocupando, aproximadamente, um terço da região central da ilha, Isabel Segunda possui tráfego também muito tranquilo, com poucos veículos nas ruas. Porém, é comum encontrar animais soltos andando pelo asfalto. Cavalos, galos e até mesmo iguanas são alguns dos animais que transitam ao lado dos habitantes.

Para quem deseja fazer uma boa refeição, há ótimos restaurantes ao sul e ao norte da ilha. Hotéis elegantes concentram-se em Esperanza, cidade conhecida por sua tradição pesqueira e também por seu calçadão à beira da praia, chamado de Malecón, muito frequentado nas noites de sexta e sábado.

Passeios culturais também são possíveis em Vieques. No Fuerte Conde de Mirassol, localizado em Isabel Segunda, fica o Museo de Arte y Historia de Vieques, onde há rico acervo que conta detalhadamente a história da ilha. A fortaleza, construída em 1845, foi uma base militar e vários dos documentos encontrados dentro dela podem ser vistos nas exposições do museu.

Belas praias também não faltam. Quem praia é fã da combinação sol, mar e areia não pode deixar de visitar Playa Sombé, Playa Media Luna, Green Beach e Blue Beach. Há décadas escondidas pela marinha estadunidense, o destino é formado por áreas paradisíacas perfeitas para relaxar debaixo do sol.

Baía fosforescente
Vieques ostenta também o título de dona da mais brilhante baía fosforescente do mundo. Isso porque Bioluminescent Bay conta com micro-organismos bioluminescentes, que simplesmente brilham na água quando perturbados, além de serviço de aluguel de caiaque, já que com esse equipamento, é possível explorar as águas da baía deixando um rastro luminoso para trás. Não por acaso, o lugar é uma parada obrigatória para qualquer turista. 

Fonte: Agência Hélice Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade