PUBLICIDADE

Pirineus brasileiros cercam cidade histórica em Goiás

Compartilhar

No meio do cerrado, os paredões rochosos da Serra dos Pirineus circundam uma cidade fundada em 1727, quando os bandeirantes paulistas exploravam o interior do país em busca de ouro. Ainda hoje, Pirenópolis, em Goiás, atrai muitos aventureiros em busca de seus tesouros: as construções coloniais que despontam em meio a um cenário de rios e montanhas.

» Veja fotos da cidade de Pirenópolis

A 137 quilômetros de Brasília, Pirenópolis tem roteiros de ecoturismo
A 137 quilômetros de Brasília, Pirenópolis tem roteiros de ecoturismo
Foto: José Murilo Junior/Creative Commons / Reprodução

» vc repórter: mande fotos e notícias

» Chat: tecle sobre o assunto

Segundo a tradição local, a semelhança entre o nome da serra e o da cadeia montanhosa que separa França e Espanha não é mera coincidência: ele teria sido dado por espanhóis com saudades de casa.

No mesmo ano em que a cidade foi fundada, iniciou-se a construção da igreja de Nossa Senhora do Rosário, que ficou pronta em 1732 e é a mais antiga do estado. Em 1750 foram construídas outras duas igrejas, no estilo barroco-rococó típico da colonização do país: Nosso Senhor do Bonfim e Nossa Senhora do Carmo (esta fechada para visitação).

Fachadas coloridas de casarões dotados de janelas largas, às vezes situadas na altura da calçada, ladeiam o pavimento de paralelepípedos das ruas da cidade. Entre as construções do século XIX, destaque para o Teatro de Pirenópolis. Inaugurado em 1899, ele foi restaurado em 2000 e continua recebendo shows, recitais e peças. Outra atração do centro da cidade é o Cine Pirineus, construído em 1919.

Todo esse legado colocou Pirenópolis na lista de cidades tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), em 1989. Mas esse não é o único atrativo do local. Em seu entorno, trilhas, rafting, rappel, tirolesa e outros esportes radicais podem ser praticados sob orientação de monitores. Dentro de propriedades particulares, há ainda cachoeiras e piscinas naturais. Para visitá-las, os ingressos variam de R$8 a R$20.


Pirenópolis - A Morro Alto Turismo (www.morroalto.tur.br) organiza pacotes que incluem visitas ao centro de Pirenóplois e roteiros ecológicos. Os preços variam entre R$241 e R$934 reais, dependendo do número de noites de estadia e atividades desejadas. Mais informações sobre a cidade podem ser obtidas no site www.pirenopolis.tur.br.

Fonte: Especial para Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra