PUBLICIDADE

Vem entender a invasão do "Barbiecore" no decór e na arquitetura!

O arquiteto Renan Altera analisa que a conexão da arte ao tradicionalismo do tema que inspira o "Barbiecore"para criar ambientes criativos e inspiradores!

14 jul 2023 - 12h56
Compartilhar
Exibir comentários

O estilo "Barbiecore" tomou conta de tudo, não apenas dos looks nas passarelas de moda. A tendência do rosa tem ganhado também os projetos de arquitetura e design de interiores e, mesmo que fuja das habituais cores neutras geralmente escolhidas para colorir ambientes, essa tem sido uma aposta que está ganhando adeptos. Para o arquiteto Renan Altera, essa tendência está muito ligada ao tradicionalismo e à nostalgia que o tema carrega.

O arquiteto Renan Altera analisa que a conexão da arte ao tradicionalismo do tema que inspira o "Barbiecore"para criar ambientes criativos e inspiradores!

"Já vimos o total pink ganhar destaque na moda, com a coleção de inverno da grife Valentino, e nos cinemas, com o live action da Barbie. Tudo isso é arte, assim como a arquitetura e o decór. Ao mesmo tempo em que a arte é versátil e sempre surgem novas inspirações, ela também é carregada de história e a Barbie é uma boneca histórica, além de ser nostalgica. Não me surpreende que esse estilo tenha voltado a ganhar força", diz o CEO da Altera Arquitetura.

Renan está certo, afinal de contas, na primeira edição do Maison&Objet, em 2022, a cor de rosa já havia sido lembrada e foram apontadas diferentes maneiras de usá-la. Mesmo com a estética mais alegre e dinâmica, ele garante que a cor pode ser incorporada em diferentes ambientes ou elementos, como paredes, portas, itens decorativos, cortinas, almofadas ou móveis de alto padrão.

"Acredito que a escolha da cor precisa estar diretamente conectado com o desejo do cliente, seja no ambiente ou nos móveis. É possível aliar elegância e sofisticação com outras cores que não sejam os tons mais usados, como preto, branco ou azul. O rosa é incrível! Sabendo usá-lo, fica bem interessante e muito inspirador", garante Altera.

Mas onde seria o melhor local? Para finalizar, o arquiteto cita algumas formas de incluir o 'barbiecore' na decoração: "Claro que tudo vai depender do projeto e das necessidades do cliente, mas de forma ampla, poderia dizer que um quarto rosa seria bacana, uma cozinha para alguém mais ousado, um escritório, um banheiro, mobiliários ou, quem sabe, fazer uma caixa de pintura podem ser soluções viáveis. Geralmente, essas 'caixas' atrelam um hall de entrada a uma sala multifuncional, por exemplo. As possibilidades são ilimitadas. O importante é estar confortável, ser criativo e divertido", completa.

Manequim
Compartilhar
Publicidade
Publicidade