PUBLICIDADE

Hipertrofia feminina: os melhores alimentos para ganhar massa muscular

Saiba como usar a alimentação a favor dos seus objetivos para construir um físico atlético

6 fev 2024 - 14h04
(atualizado em 8/2/2024 às 17h42)
Compartilhar
Exibir comentários

Não importa se é homem ou mulher, ou seja, a conquista de ganho de massa muscular deixa alguém com uma excelente condição física. Paralelamente, muitos se espelham em uma pessoa e tentam "imitar" o processo, o que é um engano. Aí é que surge a dúvida para maioria, por exemplo: quais são os tipos de alimentos para o ganho de massa muscular feminina?

Alimentos para o ganho de massa muscular feminina

"Para se ganhar massa muscular, as mulheres devem consumir alimentos fontes de proteína de forma adequada, ou seja, devem levar em consideração não apenas a quantidade, mas também a distribuição ao longo das refeições", disse em entrevista exclusiva para o Sport Life a nutricionista do Hospital Albert Einstein Serena del Favero.

Assim, também existem diferenças na composição do cardápio para quem está no início da vida adulta, adolescente, adulta e idosa e as principais influências são o crescimento, exercício físico, metabolismo e mudanças hormonais.

"Por exemplo: se comparadas às adultas e idosas, as adolescentes têm uma necessidade energética maior devido ao rápido crescimento e desenvolvimento. Nas mulheres adultas, a ênfase é na manutenção da saúde em geral e as necessidades podem variar dependendo do estilo de vida. A preocupação maior já nas idosas é com a saúde óssea, manutenção da massa muscular e prevenção de doenças crônicas", detalhou Serena.

O que evitar

"Com o objetivo de ganho de massa muscular, o foco deve ser maior na inclusão do que na exclusão, mas sempre bom evitar alimentos processados e ricos em açúcares adicionado, bebidas açucaradas e refrigerantes, gorduras saturas e trans e o excesso de bebidas alcoólicas", orientou.

Tempo para os resultados e reforço com exercícios físicos

O surgimento dos resultados vai de acordo com a condição de uma pessoa, como a genética, intensidade do treinamento, dieta, idade e nível de condicionamento físico inicial.

"Estabelecer expectativas realistas é fundamental. O ganho de massa muscular ocorre em um ritmo mais lento do que a perda de gordura. Por isso, definir metas alcançáveis e mensuráveis ajuda a manter a motivação", finalizou Serena del Favero.

Treino bem elaborado, tempo de descanso e hidratação são "itens" indispensáveis para esse objetivo. "É necessário fazer exercícios físicos, principalmente musculação, regularmente e seguir uma dieta rica em proteínas e carboidratos", aconselhou em contato com o Sport Life a nutricionista Jéssica Rodrigues.

Whey ou albumina: qual o mais indicado? Whey ou albumina: qual o mais indicado?

Palavra final

"A massa magra compõe as partes do corpo humano que não são formadas por gordura, como músculos, ossos e órgãos. Ela deixa o corpo mais definido e ainda ajuda a prevenir várias doenças, a fortalecer os ossos e a acelerar o metabolismo", termina Jéssica.

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Publicidade