PUBLICIDADE

7 hábitos e exercícios para ajudar a prevenir estrias

Veja como é possível evitar o aparecimento dessas marcas na pele

4 mar 2024 - 16h47
Compartilhar
Exibir comentários

As estrias são marcas na pele caracterizadas por linhas finas e alongadas. Elas podem se manifestar em diversas áreas do corpo, como abdômen, coxas, seios e nádegas. "As estrias ocorrem quando fatores como gravidez e ganho rápido de peso ou músculos geram um estiramento repentino da pele, causando um rompimento das fibras de colágeno e elastina", explica o dermatologista Dr. Renato Soriani, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Alguns hábitos podem ajudar a prevenir as estrias
Alguns hábitos podem ajudar a prevenir as estrias
Foto: Pixel-Shot | Shutterstock / Portal EdiCase

Uma vez que elas se formam, torna-se desafiador tratá-las completamente, e os métodos disponíveis geralmente se concentram em melhorar sua aparência, sem eliminá-las por completo. Portanto, a prevenção se destaca como a abordagem mais eficaz. Por isso, a seguir, confira 7 hábitos e exercícios para ajudar a prevenir as estrias!

1. Mantenha uma hidratação adequada

Manter a pele hidratada é fundamental para preservar sua elasticidade. Por isso, beber bastante água diariamente ajuda a reduzir o risco de estrias. Além disso, aplicar hidratantes e óleos naturais, como óleo de coco ou manteiga de karité, pode manter a pele nutrida e flexível.

"Uma pele ressecada é menos elástica, o que favorece o rompimento das fibras de colágeno e elastina, levando à formação de estrias. Por isso, sempre após o banho, é recomendado utilizar um cosmético formulado com ativos de alta capacidade hidratante, como a ureia, óleo de amêndoas, vitamina E e manteiga de karitê", recomenda o dermatologista Dr. Renato Soriani, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e expert em tecnologias dermatológicas.

2. Alimentação nutritiva

Uma dieta rica em vitaminas C, E, zinco e silício promove a saúde da pele e aumenta sua elasticidade. Alimentos como frutas cítricas, vegetais de folhas verdes, nozes e sementes são excelentes para fortalecer de dentro para fora. "Uma alimentação balanceada também é indispensável para manter a pele bem-nutrida", acrescenta o Dr. Renato Soriani.

3. Exercícios de baixo impacto

Exercícios regulares melhoram a circulação sanguínea e promovem uma pele saudável. Práticas de baixo impacto como caminhada, natação e yoga são benéficas, pois também ajudam a manter um peso saudável, reduzindo o estiramento da pele.

4. Controle de peso gradual

Ganhar ou perder peso rapidamente é uma das principais causas das estrias. Portanto, adote uma abordagem gradual para alterações de peso, permitindo que a pele se ajuste lentamente às mudanças de tamanho.

Massagens regulares promovem a saúde e a elasticidade da pele
Massagens regulares promovem a saúde e a elasticidade da pele
Foto: Carla Castro | Shutterstock / Portal EdiCase

5. Massagem na pele

A massagem regular aumenta a circulação sanguínea para a área da pele, promovendo a saúde e a elasticidade. Utilizar óleos e cremes durante a massagem também hidrata a pele, tornando-a mais resistente a estrias.

6. Exercícios de fortalecimento muscular

Fortalecer os músculos ajuda a manter a pele firme e reduzir a probabilidade de estrias. Exercícios de resistência, como musculação ou pilates, são excelentes para construir músculos de forma equilibrada.

7. Evitar o tabaco e o álcool

O consumo de tabaco e álcool prejudica a saúde da pele, reduzindo sua elasticidade e capacidade de se regenerar. "Tanto as estrias como a flacidez podem ser agravadas se estiverem aliadas a hábitos ruins, como alimentação desregrada, tabagismo, sedentarismo, abuso de álcool, radiação solar, entre outros", conta o Dr. Suélio Ribeiro, esteticista, enfermeiro e embaixador da Raavi Dermocosméticos. Por isso, é importante evitá-los.

Portal EdiCase
Compartilhar
Publicidade
Publicidade