PUBLICIDADE

Cientistas japoneses catalogam nova espécie marinha parecida com um panda

A estrutura corporal 'forma' um esqueleto; já as manchas pretas lembram os ursos nativos da China

22 fev 2024 - 20h47
(atualizado às 22h54)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Pesquisadores japoneses catalogaram uma nova espécie marinha chamada de "Clavelina ossipandae", com apenas dois centímetros de comprimento, numa ilha japonesa de Kumejima.
Grupo de "pandas-esqueleto-do-mar" são vistos debaixo d'água na Ilha de Kumejima, província de Okinawa, no Japão.
Grupo de "pandas-esqueleto-do-mar" são vistos debaixo d'água na Ilha de Kumejima, província de Okinawa, no Japão.
Foto: Diving Shop Plus Alpha/Handout via REUTERS

Pesquisadores japoneses catalogaram uma nova espécie marinha. É o "panda-esqueleto-do-mar", um animal com apenas dois centímetros de comprimento que chama a atenção pela aparência bem diferente. 

O apelido, "panda-esqueleto-do-mar", ajuda a ilustrar: "As partes brancas que parecem ossos são os vasos sanguíneos que correm horizontalmente pelas guelras das ascídias. As partes pretas da cabeça que parecem os olhos e o nariz de um panda são apenas um padrão, e não sabemos realmente por que existe esse padrão", disse Naohiro Hasegawa, autor principal do novo artigo. 

Oficialmente, a nova espécie foi batizada de Clavelina ossipandae e vinha chamando a atenção dos mergulhadores que visitavam a ilha japonesa de Kumejima desde 2017, mas nunca havia sido estudada.

Em 1º de janeiro, pesquisadores japoneses publicaram um artigo com a descoberta na revista científica Species Diversity. 

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade