PUBLICIDADE

Causa da morte de sucuri mais famosa do mundo é revelada; animal vivia no MS

Documentarista denunciou caso como possível morte por arma de fogo, mas perícia aponta causa natural

1 abr 2024 - 10h38
(atualizado às 11h26)
Compartilhar
Exibir comentários
Causa da morte de sucuri mais famosa do mundo é revelada:

Flagrada por diversos turistas de Bonito, no Mato Grosso do Sul, que se encantavam com o seu tamanho, a sucuri Ana Júlia morreu no domingo, 24, e despertou a curiosidade dos internautas em saber como isso teria acontecido. Na internet, foi até levantada a possibilidade de interferência humana. No entanto, as autoridades do estado garantem que foi de causas naturais. 

A cobra de quase 7 metros não passou despercebida nem na hora da morte. Essa história começou na semana passada, quando o documentarista de vida selvagem Cristian Dimitrius publicou que Ana Júlia foi encontrada morta às margens do Rio Formoso. Ela tinha viralizado poucos dias antes através de um registro do biólogo holândes Freek Vonk.

Desde então, alguns internautas passaram a tentar deduzir a causa da morte do animal. Foram levantadas as hipóteses de interferência humana e até morte violenta por arma de fogo. Porém, nenhum palpite acertou o motivo real: causa natural.  

Segundo a Polícia Científica do Mato Grosso do Sul, a perícia veterinária não encontrou nenhum tipo de lesão de arma de fogo em Ana Júlia, nem mesmo fratura na região da cabeça. A conclusão, então, foi de que a sucuri morreu por consequência de alguma patologia ou questão própria do habitat, sem nenhuma interferência humana.

Sucuri mais famosa do mundo vivia em Bonito, MS
Sucuri mais famosa do mundo vivia em Bonito, MS
Foto: Reprodução/Instagram @cdimitrius

História viralizou

A sucuri já tinha a alcunha de "mais famosa do mundo" quando movimentou as redes sociais para encontrar a causa de sua morte. No dia 24 de março, o documentarista Cristian Dimitrius publicou o comunicado em seu perfil do Instagram. O tom na legenda era de denúncia e revolta com o que encontrou. 

"Que tristeza, que raiva. Quem teria feito um absurdo desses? (...) Só digo que isso não vai ficar assim, vamos investigar e ir atrás dessa pessoa", escreveu Dimitrius. Para ele, Ana Júlia teria sido morta a tiros. A publicação se espalhou pela internet e gerou uma série de comentários de internautas indignados. 

"Revoltante é pouco", opinou um seguidor. "Tem que achar quem fez e punir de verdade!", escreveu outro. Desde que viralizou com o caso, o documentarista também tem publicado curiosidades sobre a sucuri e contado um pouco mais da sua relação com o animal de cerca de 6,5 metros. 

Dimitrius ainda repostou o vídeo do biólogo holandês Freek Vonk com Ana Júlia. O registro que fez sucesso fora do Brasil mostra Vonk vestido de roupa social e nadando ao lado da sucuri. Depois que a morte do animal foi confirmada, esse foi considerado o último momento captado de Ana Júlia com vida. 

Prêmio britânico elege as melhores fotos da natureza; veja ganhadores Prêmio britânico elege as melhores fotos da natureza; veja ganhadores

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade