PUBLICIDADE

Biomas mundiais: conheça quais são eles

Mesmo com outros nomes, o Brasil tem alguns representantes dos biomas mundiais em seu território.

19 abr 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Os principais biomas mundiais são Tundra, Taiga, Floresta Temperada, Floresta Tropical, Savanas, Pradaria e Deserto. E, o Brasil, se destaca, sendo reconhecido como um país com grande biodiversidade devido à variedade de biomas e ecossistemas presentes em seu território.
Pantanal é um dos seis biomas brasileiros e já foi até tema de novela.
Pantanal é um dos seis biomas brasileiros e já foi até tema de novela.
Foto: LeoMercon / iStock

Apesar de falarmos muito sobre os biomas presentes no Brasil, não é só nosso país que tem biomas: eles estão espalhados por todo o mundo, dando origem aos sete biomas mundiais.

Divididos pelas zonas climáticas — áreas com climas diferentes, que estão espalhados pelo planeta —, os biomas são marcados por características relacionadas às zonas nas quais estão.

Descubra quais são os biomas mundiais e a importância de preservá-los.

O que são biomas?

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) define biomas como “um conjunto de vida vegetal e animal, constituído pelo agrupamento de tipos de vegetação contíguos, que podem ser identificados regionalmente, com condições de geologia e clima semelhantes e que, historicamente, sofreram os mesmos processos de formação da paisagem, resultando em uma diversidade de flora e fauna própria.”

Basicamente, os biomas são espaços físicos que compartilham algumas características, como clima, vegetação e vida animal. 

O Brasil possui seis biomas em seu território. São eles:

Por que é importante preservar biomas?

Apesar de serem fundamentais para a preservação ambiental, os biomas têm sofrido com impactos devido à ação humana.

Esses impactos ambientais são preocupantes, pois comprometem o equilíbrio ecológico da flora e da fauna dos biomas, prejudicando os habitats de animais e podendo levar até mesmo à extinção de espécies animais e vegetais.

Para evitar problemas de desequilíbrio ecológico e destruição ambiental, é fundamental promover ações que contribuam para a preservação de biomas e do meio ambiente.

Quais são os principais biomas mundiais?

Quando falamos em biomas mundiais, falamos em sete biomas, que estão espalhados pelo planeta. São eles: Tundra, Taiga, Floresta Temperada, Floresta Tropical, Savanas, Pradaria e Deserto.

Tundra

Localizada nas regiões próximas ao Polo Ártico, norte do Canadá, da Europa e da Ásia, a Tundra é um bioma que apresenta temperaturas baixas durante boa parte do ano. Por essa razão, enquanto o inverno é extremo, o verão também é frio. Há pouca luz solar e também pouca chuva.

Os animais que vivem nesse bioma são adaptados para seu clima, sendo protegidos por uma pelagem densa, que os protege do frio. Entre as espécies que são nativas da Tundra estão as renas, o lobo-ártico, o caribu, o urso-polar, a coruja-das-neves e o boi almiscarado. 

A flora da Tundra, por sua vez, é formada por plantas de pequeno porte capazes de se adaptar às características climáticas do bioma — as condições climáticas impedem o desenvolvimento de plantas de maior porte, como árvores.

Entre as espécies vegetais presentes na Tundra estão musgos, líquens, e gramíneas, além de arbustos e charnecas.

Entre os países que têm a Tundra como bioma estão:

  • Canadá;
  • Noruega;
  • Suécia;
  • Finlândia;
  • Dinamarca;
  • Rússia.

Taiga

Por ter uma abundância de pinheiros, cedros, nogueiras, bétulas e abetos, árvores que têm troncos grossos e folhas aciculifoliadas, a Taiga também é conhecida como “floresta de coníferas”.

Localizada no hemisfério norte do planeta, em países como Estados Unidos, Canadá e Rússia, a Taiga possui baixas temperaturas em épocas de inverno, apesar de, ao contrário da Tundra, ter um verão maior e com temperaturas mais quentes.

Devido à baixa incidência de luz solar no solo — causada pela grande cobertura vegetal do topo das árvores —, ele é, geralmente, pobre em nutrientes, dificultando o desenvolvimento de espécies de pequeno porte.

Os animais presentes nesse bioma também se adaptam facilmente às baixas temperaturas. Entre seus animais típicos estão renas, alces, ursos-pardos, linces, porcos-espinhos, esquilos e raposas.

É importante notar que a Taiga é um dos biomas que mais sofre com impactos ambientais: por suas árvores de grande porte, que geralmente se tornam matéria-prima na indústria, ela sofre com a devastação ambiental causada pela ação humana.

Floresta Temperada

Presente na região norte de continentes como América, Europa e Ásia, a Floresta Temperada é um bioma que surge em regiões que tem o clima temperado e as quatro estações bem definidas.

A vegetação da floresta é formada por carvalhos e faias — chamadas de decíduas ou caducifólios —, que adquirem a coloração amarelada no outono e perdem folhas ao final da estação, readquirindo-as na primavera. Esta é uma forma que as plantas encontraram para se adaptar ao frio e reduzir sua atividade metabólica.

Já a fauna é formada por animais como veados, raposas, esquilos, javalis, linces, veados, pássaros, como corujas, e insetos. Na China, inclusive, a Floresta Temperada é lar de espécies ameaçadas de extinção, como pandas-gigantes e pandas-vermelhos. 

Floresta Tropical

Bioma presente no Brasil, a Floresta Tropical (conhecida também como floresta pluvial tropical ou floresta úmida) está localizada em regiões na América do Sul, América Central, África, Ásia e Austrália — aquelas conhecidas pelo seu clima quente e com elevados níveis de chuva.

A principal marca da floresta tropical é sua enorme biodiversidade: ela possui uma enorme variedade em sua vegetação, com uma flora rica e abundante e pontos onde é possível encontrar cerca de 300 espécies diferentes em menos de um hectare de terra. Inclusive, uma curiosidade é que as plantas carnívoras são comuns na floresta tropical, favorecidas pelo clima úmido dos locais.

Falando sobre a fauna, é interessante destacar que apesar de muitos mamíferos, a floresta tropical é marcada pela presença de insetos e animais invertebrados. Entre as principais espécies vertebradas na floresta tropical estão macacos, como o mico-leão-dourado, capivaras, bichos-preguiça, onças, tucanos, araras, jacarés e sapos.

A maior floresta tropical do mundo é a Floresta Amazônica, que fica no Brasil, nos estados do Amazonas, Acre, Amapá, Rondônia, Pará e Roraima, além de ter partes também em países como Peru, Colômbia, Venezuela, Equador, Bolívia, Suriname, Guiana e Guiana Francesa.

Savanas

Localizada na África, Ásia, Austrália e nas Américas, as Savanas tem como principais características serem campos planos e abertos com vegetação rasteira, ervas e arbustos. Árvores estão presentes, mas são mais espaçadas — diferentemente de outros biomas, onde as árvores acabam próximas uma das outras.

O clima das savanas é bem dividido entre as épocas secas e épocas de chuvas, com a temperatura média variando entre 22 e 24 °C.

Já os animais presentes nas savanas são elefantes, girafas, leões, antílopes, rinocerontes e zebra. No Brasil, onde as savanas são chamadas de cerrado, é comum que animais como anta, ariranhas, capivaras, cervos, javalis, lebres, lobos-guará, tamanduás e veados habitem esse bioma.

Pradaria

Representadas pelos Pampas no Brasil, as pradarias estão localizadas em regiões da América do Sul, América do Norte, Europa e na Ásia que apresentam períodos de seca.

Assim como nas savanas, a vegetação que domina a pradaria são gramíneas, plantas rasteiras e arbustos, além de árvores de pequeno porte. Por outro lado, sua fauna é muito diversa e rica, com uma grande variedade de animais como aves, mamíferos, artrópodes, répteis e anfíbios.

No Brasil, os animais que habitam os pampas são a onça-pintada, a jaguatirica, o mico-leão-dourado, o sagui, o tamanduá, a jacutinga, a ema e aves como perdigão, perdiz, quero-quero, joão-de-barro e sabiá-do-campo.

O Pampa é um dos biomas que mais sofre com desmatamento devido ao uso de suas áreas para o desenvolvimento da agropecuária. Isso causa o desaparecimento de espécies nativas, além da invasão de espécies que acabam causando prejuízos ambientais ao bioma.

Deserto

Desertos são, provavelmente, um dos biomas mais conhecidos pela população. Isso porque suas características marcantes e representação em obras de ficção acabaram popularizando-o. Porém, é importante saber quais são suas características.

Os desertos estão localizados em locais de seca, como a África, onde fica o deserto do Saara, e a Ásia, local do deserto de Gobi.

O clima é conhecido por ser quente, mas, o que poucos sabem é que as noites no deserto são frias: a temperatura noturna dos desertos pode chegar a -5 °C.  

Os animais que vivem nesse bioma se adaptaram à falta de água. Apesar disso, não é um local com fauna rica: ela é formada basicamente por répteis, insetos e roedores que conseguem viver com pouca umidade.

O mesmo se aplica para plantas: a vegetação se adaptou para sobreviver à baixa umidade. Uma das plantas mais conhecidas do bioma é o cacto.

Quais países têm mais biomas?

O Brasil é visto por estudiosos como o país com a maior biodiversidade no mundo, devido à variedade de biomas e diferentes ecossistemas presentes no país.

No Terra Planeta, você aprende mais sobre os biomas que existem pelo Brasil!

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade