PUBLICIDADE
Logo do

Tecnologia e Soluções

Inteligência Artificial: o futuro da produtividade

25 jun 2021 09h00
| atualizado em 4/7/2021 às 18h01
ver comentários
Publicidade
Você deve estar usando IA sem saber
Você deve estar usando IA sem saber
Foto: Unsplash

Inteligência artificial é o termo chave dos últimos dez anos, e o mercado de trabalho hoje passa por um boom de inovações mundiais baseadas na tecnologia do machine learning e de sistemas autônomos. 

Quando você adquire um sistema baseado em inteligência artificial para a sua empresa, é possível ter insights a partir de uma multitude de dados e aumentar a produtividade dos funcionários, diminuir a quantidade de trabalho necessária para lucros maiores e criar um futuro baseado em tendências de consumo factuais. De acordo com dados de um estudo da PwC, o produto interno bruto mundial deve crescer 14% até 2030 a partir do pressuposto de que grande parte das empresas aplicará a inteligência artificial em suas atividades, contribuindo mais de 15 trilhões para a economia mundial. 

Em um ambiente digital ausente de inteligência artificial, arquitetos de informação podem demorar semanas procurando informações, analisando e criando insights a partir das tendências de mercado e comportamento analisadas. Sistemas que usam inteligência artificial podem fazer tais análises em questão de segundos, partindo de uma infinitude de dados inimaginável de forma analógica. Com a ajuda da inteligência artificial (IA), chefias conseguem tomar decisões rapidamente, com mais embasamento real e entender tendências de mercado antes mesmo que elas sejam detectadas pela grande massa. De acordo com a Economist Intelligence Unit, a IA trará um crescimento de produtividade de 86% nos lucros e resultados dos próximos cinco anos globalmente.

O uso diário da IA no trabalho remoto pode acontecer de inúmeras formas: usando o Microsoft Teams, por exemplo, funcionários podem se comunicar com colegas do mundo todo usando tradução em tempo real. Também é possível usar a ferramenta para encontrar áudios e reuniões da empresa globalmente em qualquer dia e qualquer ano, e a tecnologia da IA faz com que você consiga encontrar tais funcionalidades em alguns segundos de pesquisa. 

Como a IA te ajuda a executar tarefas no dia a dia:

A tecnologia de inteligência do Workplace Analytics da Microsoft também consegue identificar como colaboradores ao redor do mundo se comunicam, mostrando para as chefias quais as estratégias mais eficientes, ferramentas mais usadas e tipos de documentos mais compartilhados. 

A segurança de sistemas integrados também ganha eficiência com inteligência artificial, caso da Microsoft Intelligent Security Graph, que reúne dados globais de inúmeras fontes e processa cerca de 6,5 trilhões de sinais por dia, com cerca de 400 bilhões de e-mails analisados pelo Outlook e o Office 365 mensalmente; 1,2 bilhões de dispositivos escaneados mensalmente pelo Windows Defender e 450 bilhões de autenticações mensais do Azure Active Directory.

Não só para uso empresarial como para ajudar no cotidiano, a Cortana, assistente da Microsoft, usa a IA para interações diárias que podem impactar positivamente no cotidiano do trabalho remoto. É possível enviar mensagens por voz, verificar agendas, participar de reuniões e economizar tempo no dia-a-dia de trabalho. Outra ferramenta é o Microsoft Dynamics 365, que usa machine learning para prever o comportamento de usuários e fazer com que as empresas entendam a demanda antes mesmo dela existir. A ferramenta de busca da Microsoft, o Bing, também utiliza a IA para dar respostas rápidas e exatas para perguntas vagas, analisando seu histórico de buscas e necessidades para trazer informações que você pode necessitar antes mesmo que a demanda se apresente.

A Microsoft também utiliza a IA em ferramentas como o MyAnalitics (que analisa padrões de trabalho para turbinar seu cotidiano profissional), Power BI (ferramenta para sua empresa tomar decisões utilizando insights imediatos de predição a partir de dados coletados) e o Microsoft Pix (câmera inteligente capaz de ajustar traços faciais).

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade