0

Valor de aportes em startups no Brasil cresce 118% em abril

Levantamento do hub de inovação Distrito mostra que, entre abril de 2019 e 2020, total de investimentos passou de US$ 66 mi para US$ 144 mi

11 mai 2020
08h00
atualizado às 12h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O valor total de investimentos em startups brasilerias em abril deste ano foi de US$ 144 milhões, um crescimento de 118% ante o mesmo mês em 2019, quando os aportes atingiram US$ 66 milhões. As informações são do hub de inovação Distrito, que divulgou pesquisa na última quinta-feira (07) sobre o mercado de Venture Capital no Brasil.

O número de cheques de fundos e corporações, no entanto, diminuiu no mesmo período. Em abril do ano passado, 21 rodadas de investimento foram necessárias para alcançar o valor de US$ 66 milhões, uma média de US$ 3,14 milhões por aporte. Até o final do último mês deste ano, 20 rodadas totalizaram US$ 144 milhões, uma média de US$ 5,7 milhões por investida.

Levantamento do hub de inovação Distrito mostra que, em abril de 2020, startups brasileiras receberam US$ 144 milhões em aportes
Levantamento do hub de inovação Distrito mostra que, em abril de 2020, startups brasileiras receberam US$ 144 milhões em aportes
Foto: Pixabay

Dentro dos 20 aportes financeiros de abril de 2020, dois se destacam por concentrar 89% dos US$ 144 milhões: os US$ 80 milhões recebidos pela startup de logística Cargo X; e os R$ 250 milhões - aproximadamente US$ 48 milhões de acordo com a cotação do dólar no dia 07 de abril deste ano, quando o acordo foi fechado - do grupo japonês Softbank no e-commerce de pets PetLove.

Em uma perspectiva maior, a pesquisa também aborda valores de investimento somados nos quatro primeiros meses entre 2017 e 2020. Segundo o levantamento, este ano teve valor recorde de aportes até abril: US$ 480 milhões em 89 cheques, uma alta de 20% ante o primeiro quadrimestre de 2019, quando os investimentos totalizaram US$ 400 milhões em 90 aportes.

As informações financeiras do ecossistema de startups brasileiro são colhidas pelo Distrito Dataminer, a equipe de pesquisa e ciência de dados do hub de inovação. O projeto conta com informação de mais de 12 mil empresas nascentes, 58 fundos de investimentos brasileiros e 41 aceleradoras, que se cadastraram voluntariamente na iniciativa. 


 

Veja também:

Índia bloqueia TikTok e Instagram aproveita situação
Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade