0

Estudantes do Recife vencem desafio mundial de tecnologia

As alunas da Escola Técnica Estadual Porto Digital se destacaram por aplicativo que conecta mães aos pais durante a fase de gestação.

8 jun 2019
16h01
atualizado às 16h41
  • separator
  • comentários

As alunas da rede pública de Pernambuco Cibele Benício, Iale Maria, Júlia Lopes e Maria Eduarda, todas estudantes da Escola Técnica Estadual (ETE) Porto Digital, localizada no Recife, venceram a etapa regional do Technovation Challenge, maior competição mundial para estudantes do ensino fundamental e médio no segmento de tecnologia realizada em maio, em Salvador.

O reconhecimento veio graças a criação do aplicativo "Twogether", um aplicativo que conecta mães aos pais durante a fase de gestação de seus filhos.

"É uma sensação de dever cumprido. É a primeira vez que participamos de uma competição e não imaginávamos que venceríamos. Nosso objetivo é continuar propagando o aplicativo para que ele tenha um impacto diretamente na nossa comunidade", disse Maria Eduarda, uma das desenvolvedoras do app.

Na foto, as estudantes Cibele, Júlia, Maria Eduarda e Iale. (Reprodução: Divulgação/Porto Digital)
Na foto, as estudantes Cibele, Júlia, Maria Eduarda e Iale. (Reprodução: Divulgação/Porto Digital)
Foto: TecMundo

 

Contato contínuo

Para desenvolver o aplicativo que garantiu o primeiro lugar na competição para o Nordeste, as estudantes tiveram o apoio do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR). Ele funciona como um facilitador do compartilhamento de informações gestacionais e funcionalidades sincronizadas entre a gestante e terceiros, onde é possível fazer um acompanhamento gestacional, checklist e a possibilidade de integração com o companheiro ou com o acompanhante da gestante.

A ideia para a criação do app surgiu quando, a partir de uma pesquisa de campo, as estudantes notaram o desejo de algumas mães em dividir a fase gestacional com o pai da criança ou com um familiar por meio de um canal simples e em tempo real. Agora, na fase semifinal do desafio, todos os materiais do projeto entregues pelas participantes serão avaliados por uma banca examinadora formada por técnicos do evento.

Vale dizer que o segundo lugar do evento também foi para outra escola pública do Recife, a ETE Cícero Dias, no Núcleo Avançado em Educação (NAVE). As alunas criaram um jogo onde o objetivo era facilitar o ensino de educação sexual de crianças entre 7 e 10 anos.

O Technovation é um desafio mundial e tem como objetivo engajar mulheres entre 10 e 18 anos para o mercado de tecnologia da inovação. Desde 2013, ele já contou com a participação de mais de 10 mil alunas de todo o mundo.

TecMundo
  • separator
  • comentários
publicidade