PUBLICIDADE

Rússia toma controle da cidade de Kherson, diz prefeito

A cidade tem um posicionamento estratégico entre a Crimeia e o sul do país

3 mar 2022 - 00h21
(atualizado às 14h34)
Ver comentários
Publicidade
Rússia avança e toma primeira grande cidade ucraniana:

Tropas russas tomaram a cidade ucraniana de Kherson nesta quarta-feira, 2. A informação foi confirmada pelo prefeito da cidade, Igor Kolykhaev, segundo a Reuters. Kherson é um ponto estratégico entre a Crimeia e o sul da Ucrânia, onde o rio Dnipro deságua no Mar Negro, e seria a primeira cidade significativa a cair nas mãos de Moscou. 

Mais cedo o Kremlin já havia afirmado que tomou a cidade, o que posteriormente foi negado pelo governo ucraniano. 

As informações sobre o número de mortos do conflito ainda é contraditória. Segundo o escritório de direitos humanos da Organização das Nações Unidas (ONU),  227 civis foram mortos e 525 ficaram feridos na Ucrânia até a meia-noite de 1º de março. 

Já o  Serviço de Emergência do Estado da Ucrânia informou que mais de 2 mil civis ucranianos, incluindo crianças e mulheres, morreram desde o início da invasão russa até esta quarta-feira, 2. 

Prédio da Universidade Nacional de Kharkiv destruído após bombardeios
Prédio da Universidade Nacional de Kharkiv destruído após bombardeios
Foto: Reuters

ONU condena invasão

Os países-membros da Organização das Nações Unidas (ONU) votaram e aprovaram nesta quarta-feira, 2, a resolução que condena a invasão russa na Ucrânia. Foram 141 votos a favor, cinco contrários e 35 abstenções.

O Brasil votou a favor da resolução e aenas cinco países foram contra: Belarus, Coreia do Norte, Eritreia, Síria e a própria Rússia. A China votou por se abster na questão. 

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade