PUBLICIDADE

Mundo

Secretário de Defesa dos EUA cancela viagem após nova hospitalização

12 fev 2024 - 17h34
Compartilhar
Exibir comentários

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Lloyd Austin, cancelou uma viagem a Bruxelas para negociações de defesa da OTAN depois de ser internado em um hospital militar pela segunda vez este ano, informou o Pentágono na segunda-feira.

Austin, 70 anos, foi levado ao hospital no domingo por "sintomas que sugerem um problema emergente na bexiga". Nesta segunda-feira, ele foi submetido a procedimentos não cirúrgicos sob anestesia geral para tratar de seu problema de bexiga, informou o hospital.

"O secretário Austin não viajará mais para Bruxelas nesta semana, conforme programado originalmente", disse o major-general da Força Aérea Patrick Ryder, porta-voz do Pentágono, em uma coletiva de imprensa.

Austin não divulgou uma cirurgia de câncer de próstata em dezembro e uma hospitalização subsequente em janeiro para lidar com suas complicações, desencadeando um tumulto político e várias investigações.

O Pentágono não disse se o problema de Austin na bexiga era outra complicação da cirurgia de próstata, mas o hospital parecia estar otimista quanto ao prognóstico de seu câncer.

Austin estava pronto para partir para a reunião dos ministros da defesa da OTAN em Bruxelas, que será realizada na quinta-feira, e para uma reunião separada com aliados na quarta-feira sobre como continuar apoiando a Ucrânia no combate à invasão da Rússia.

O Pentágono disse que a reunião sobre as necessidades de defesa da Ucrânia, conhecida como Grupo de Contato de Defesa da Ucrânia (UDCG), seria realizada virtualmente.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade