PUBLICIDADE

Um dos principais membros da oposição síria deixa Coalizão

20 jan 2014 20h40
| atualizado às 20h43
ver comentários
Publicidade

O Conselho Nacional Sírio (CNS), um dos principais membros da oposição síria, anunciou nesta segunda-feira sua retirada da Coalizão em protesto contra a decisão de participar da Conferência de Genebra II, onde deverá negociar com Damasco uma saída para o conflito.

Ao decidir participar do evento, alega o CNS, a Coalizão Nacional renuncia a seus "compromissos" com a revolta síria.

O CNS continua a se recusar a negociar enquanto não houver garantias da saída do presidente Bashar al-Assad.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
Publicidade
Publicidade