1 evento ao vivo

Polícia encontra relicário do papa João Paulo, mas sem sangue

30 jan 2014
17h26

A polícia recuperou nesta quarta-feira uma peça de ouro e vidro que continha o sangue do falecido papa João Paulo II, mas descobriu que o pano manchado com o sangue dele desapareceu, disseram autoridades.

O chefe da associação que toma conta da pequena igreja nas montanhas a leste de Roma de onde o relicário foi furtado, Pasquale Corriere, disse que dois homens foram detidos pela polícia na capital regional, L'Aquila.

Os homens levaram a polícia ao local onde tinham jogado a relíquia, mas o pano manchado com o sangue do papa, que morreu em 2005, não estava mais dentro, disse Corriere.

A polícia está interrogando os homens, que acredita serem dependentes de drogas, e revistando o apartamento deles, de acordo com Corriere. Um pequeno crucifixo levado com o relicário da igreja de San Pietro Della Lenca na semana passada também foi recuperado.

O pano encharcado de sangue era um fragmento da batina que João Paulo II usava em 13 de maio de 1981, quando foi baleado em uma tentativa de assassinato.

Relíquias de santos e outras figuras sagradas costumam ser exibidas em relicários para serem veneradas por fiéis católicos.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

publicidade