PUBLICIDADE

Estudo mostra que 55% dos britânicos têm anticorpos

Pesquisa já mostra efeitos da vacinação em massa no Reino Unido

14 abr 2021 08h38
| atualizado às 09h12
ver comentários
Publicidade

Um nova pesquisa mostra que uma em cada duas pessoas que vive no Reino Unido já apresenta anticorpos contra o coronavírus Sars-CoV-2, informou o Escritório Nacional de Estatísticas (ONS) nesta quarta-feira (14). O estudo aponta que os moradores adquiriram a defesa por ter contraído a covid-19 ou por terem sido vacinados.

ONS relacionou aumento de anticorpos com vacinação em massa
ONS relacionou aumento de anticorpos com vacinação em massa
Foto: EPA / Ansa - Brasil

Em números totais, 55% dos cidadãos já têm os anticorpos, sendo que Inglaterra e Irlanda do Norte (54,9%) têm os maiores índices. O País de Gales tem 49,1% e a Escócia tem 46% na semana encerrada em 28 de março.

"Em todos os quatro países do Reino Unido, existe um padrão claro entre a vacinação e os testes positivos para anticorpos da covid-19, mas a detecção de anticorpos em si não é uma medida precisa da proteção da imunidade dada pela vacinação", pontua ainda o documento.

O Reino Unido é um dos mais avançados no mundo na aplicação das vacinas anti-Covid, com mais de 40,1 milhões de doses aplicadas até esta quarta-feira. São 32,2 milhões de pessoas que receberam ao menos uma das doses e 7,8 milhões totalmente imunizadas.

Com isso, além do restrito lockdown imposto entre janeiro e fim de março, os números da terceira onda da pandemia de covid-19 despencaram com uma média de 34,4 mortes e 2,7 mil casos por dia. Em dados totais, os britânicos somam 4.390.801 contágios confirmados e 127.369 óbitos na pandemia. .

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade